Ir para conteúdo

Brasileiro é condenado à morte por tráfico na Indonésia


Mr. Botanic

Recommended Posts

  • Usuário Growroom
Brasileiro é condenado à morte por tráfico na Indonésia

Da Agência EFE

O brasileiro Marco Archer Cardoso Moreira foi condenado nesta terça-feira, à morte por um tribunal indonésio de Justiça que o declarou culpado por tráfico de drogas, informaram fontes judiciais.

Marco Archer escapou da polícia indonésia em agosto do ano passado, pouco depois de ser detido no aeroporto internacional de Jacarta por agentes da alfândega que encontraram 13,4 quilos de cocaína esondidos na fuselagem de seu parapente.

A polícia o capturou de novo duas semanas após sua fuga na pequena ilha de Moyo, ao leste do arquipélago da Indonésia.

A Indonésia suspendeu há quase cinco anos a moratória à pena de morte mediante fuzilamento, embora desde então nenhum estrangeiro tenha sido executado.

FONTE: Jornal A Tarde

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

um brasileiro vai ser o pioneiro... boa....

brother na boa... não dá pra ter pena... sabe quantas vidas essa cocaina teria tomado????

é foda... o tráfico é um cancer... tem que ser estirpado mesmo...

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Ae cabelo eu vi esse filme tbem, mas acho que foi baseado em fatos reais...

E pensando no que o Jahphael falou eu tbem concordo que a cocaína mate varias pessoas, mas acho que cada um tem o direito de usar o que quiser, contanto que saiba as consequencias de seus atos.

Acho que a cocaína é uma merla e que ninguém deveria usar nunca!!!

Mas que mesmo com leis tao severas pessoas continuam usando, acho que o problema nao é esse.

E realmente não deve fazer tão mal assim porque muitos advogados, medicos e personalidades públicas e políticas e que não interem em sua carreira .

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Morgado...

brother... me expressei mal...

sou contra a pena de morte.. já foi provado que ela não reduz em nada a criminalidade, em muitos casos até agrava pq quem já tem uma condenação já não tem mais nada a perder e isso é sempre muito perigoso...

mas sou extremamente contra o tráfico mesmo... e não só de cocaina... de maconha tb... não sou hipócrita, quando disse akilo sobre quantas vidas essa cocaina teria tomado, não estava me referindo somente em termos de overdose.... e sim de todas as vidas que são tomadas por conta da violencia gerada pelo tráfico ilegal de entorpecentes em geral

e se o cara, mesmo sabendo dos riscos que corria decidiu fazer por causa da grana... sinto muito irmão... mas eu realmente não consigo ter pena não...

se fosse pra defender alguma causa injusta nesse nosso mundo cruel, teria uma lista kilométrica na frente dessa....

paz....

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Também já vi esse filme.

Eu não acho que o tráfico deva ser punido da maneira tão severa como é punido.

No Brasil, mesmo os usuário de drogas, acostumaram-se a expugar todo o mal que acham que as drogas ou o seu tráfico causam numa imagem cristalizada que se convencionou chamar de narcotraficante do crime organizado.

A questão é que o tráfico de drogas, em si, é apenas o comércio de substâncias que são consideradas ílicitas.

Ou seja, é pega na mão de quem produz e vende a quem consome.

Isso é tráfico.

Defender o morro armado. Roubar e matar para conseguir grana. Traficar armas e corromper a policia são desdobramentos do tráfico em locais específicos. Que não têm nada haver com a droga em si ou com outros tipos de tráfico.

Assim como existe o tráfico violento, que envolve grandes grupos violentos e armados, geralmente urbanos, existe também o tráfico não violento.

O que a legislação, a mídia e o senso-comum tentam nos convencer, e pelo visto estão conseguindo, é de que traficante é tudo a mesma merda, que mata, rouba, come criancinha e vende droga apenas pra conseguir dinheiro para todas as outras coisas que o demônio manda ele fazer.

Mas se você parar um pouco pra pensar, não é bem assim.

O tráfico violento de drogas se dá de maneira pontual, mais ou menos violento, a depender da localidade.

Como no Brasil, devido a uma série de fatores históricos, sociais e econômicos, uma grande parte do tráfico se embricou à marginalidade violenta, existe a idéia de que onde há tráfico há violência.

Eu discordo.

Acredito inclusive, e acho que muitos aqui, devido ao que já tenho observado, vão ser contra a minha opinião, de que a lei não deveria ser tão rígida para o traficante não.

Ele deveria pegar no máximo 5 anos.

Agora, se ele é violento, matou, roubou, estava armado, tudo isso vai somando para categorizar tráfico violento, e esse merece até 1.000.000 de anos.

Pensem bem pessoas.

Mesmo que as drogas fossem legalizadas, e mesmo que só a maconha fosse, nem todo mundo ia querer, saber ou poder plantar maconha.

Assim como nem todo mundo ia querer comprar a maconha legal, seja por que é mais cara, seja por que é ruim.

Se um amigo seu que plantasse te vende-se, você não iria comprar?

Ele também estaria cometendo um tráfico, pequeno, não-violento, mas é tráfico. E, sinceramente, não acho que ele deva ser punido por isso.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

só posso dizer que concordo em todos pontos de vista com o Mr. Botanic

Por coincidencia, eu ja tinha falado da extrema repressão na Indonesia relativamente as drogas. Por ser um pais productor alias. Foi o que me tinha sido contado por amigos meus que passavam la os invernos a surfar. era realmente uma cura para os pulmões pois fumar se torna quase impossivel deste modo.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Galera,

acho o seguinte: Quem leva 13Kg de brita na mala, sabe que pode dropa! Na Indonésia o furinho é mais embaixo, acho que não vão apagar o magro, só que isso serve de lição para outros loques que andam por aí com tanta mercadoria em cima e querem entrar lá!!!

E convenhamos, brita ..... tá por fora...

Vejam só o BUBA do BIG BRÔ; acho que tava tudo certo, não era macaco velho, foi entrar no avião com uma sacola de bala, antes de passar no RX se cagô, volta e coloca o bagulho no locker do aeroporto... Galera, até uma criança sabe que no aeroporto têm câmera e vigilância pesada, ainda mais em aeroportos internacionais.

NÃO AO TRÁFICO....muita vida e grana suja em jogo......

Continuem plantando a "sagrada" em casa, e tá tudo certo...

Valeu...é minha opinião..

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Se voce não tem a coragem de cumprir a pena, não cometa o crime

As vezes da até raiva de ler esse tipo de artigo, primeiro pelo fato do cara não ser nada ingênuo, o que assunta a minha inteligência; Segundo pelo fato que o cara está traficando cocaína, o que nem deveria estar sendo postado aqui, pela irrelevância do assunto.

Moral da estória: Não use cocaína.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Alma_Rastafari

Assiste razão o seu ponto de vista, e devo respeita-lo, sem a necessidade implícita de concordar com ele, no qual, pelo amor ao debate, passo a expender:

Concordo e acato todo o conteúdo que voce faz menção em relação ao usuário de Cannabis e as mazelas que sofrem sob uma legislação arcaica e deficiente, como citado no post anterior e por outros de sua autoria ao longo do site.

Quanto ao Sr. Marco Archer Cardoso Moreira, de 42 anos, que transportava 13,4 Kg de cocaína e foi detido num aeroporto internacional da Indonésia, me desculpe... O cara foi muito primário, ingênuo e infeliz na sua tentaviva de intoduzir dentro daquele país tal quantidade de droga:

Ao comentar o ditado mais famoso dentro da população carcerária do Estados Unidos "Se voce não tem a coragem de cumprir a pena, não cometa o crime", apenas tentei ilustar a situação que o Sr. Marco estava a desafiar.

Conheço Bali e Jacarta, quando viajei para essa ilha, me deixaram duas observações bem explícitas: não levar qualquer tipo de drogas e não mexer com as mulheres nativa da ilha. Acredito que o Sr. Marco, em cima dos seus 42 anos de vida, sabia muito bem o risco que estava correndo, sabia que fazia parte do jogo ser pego ou se dar muito bem, vc acha que o cara estava levando quanto por essa aventura?

Alma_Rastafari, a cerca da moral da estória, foi apenas figurativo, não implicando em maiores detalhes.

O fato de usar a parte de notícias do growroom, para falar de alguém que se deu mal transportando cocaína, me causou estranheza, haja vista que não combina com a filosofia do site:

*As notícias aqui postadas devem ter algum tipo de referencia com o assunto "cannabis". Notícias curiosas ou engraçadas, que não contém "cannabis" como tema, devem ser postadas no Acende Puxa Prende Passa.* (mr.hashpipe)

Sem querer discutir o mérito da questão, acredito particulamente, que houve um mal entendido ao tentar desviar a atenção do tema inicial da Thread para foca-lo numa questão de âmbito sócio-político-cultural, na qual voce detém com mérito a palavra final.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Faça login para comentar

Você vai ser capaz de deixar um comentário após fazer o login



Entrar Agora
×
×
  • Criar Novo...