Ir para conteúdo

Legalizar As Drogas Em Geral X Legalizar Maconha


Pedro32

Recommended Posts

  • Usuário Growroom

Galera,

Qual a posição de vcs ?

Acham que o correto é manter a proibição das demais drogas (ex cocaína, ecstasy, etc) e legalizar a maconha ? Talvez pq a maconha tenha algum uso medicinal e espiritual, além de danos controláveis ?

Ou tem mesmo é que legalizar tudo, e cada um decide por si ?

Qual a política à adotar ?

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Respostas 58
  • Created
  • Última resposta

Top Posters In This Topic

  • Usuário Growroom

eu acho que bastava uma lei que permitisse apenas o plantio em casa, o refino, etc. (de todas as drogas, só para não dizer que beneficiam uns e outros não). no entanto se usar o processo com fins comerciais, continua sendo condenado por tráfico. fazer uso da droga em locais públicos, etc. também seria penalizado. mas dentro de casa quem manda é o dono! tipo, comprar sementes pela internet estaria liberado. o resto vem logo atrás...

acho que seria um começo, larga a rédea mas não larga muito. hehehe

abrass

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Tenho minha opnião divida entre legalizar tudo e somente a maconha, faço uso de outras drogas além da Maconha, mais acho que o correto seria somente a legalização da Maconha, sei lá ... é uma coisa natural né, nasce a planta, você fuma a flor, não é um treco igual cocaina que pra chegar ao produto final vai não sei quantos litros de gasolina, querosene, acido sufurico e um monte de porcaria ... mas acho que o Brasil é um pouco atrasado para liberar o uso da Maconha.

Do jeito que as coisas são aqui não ia ter um controle muito especifico, talvez devessemos começar liberando o plantio para consumo proprio, fazer alguns testes da droga legalizada em algumas cidades, e ver como funciona. ;)

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Na minha visão, uma questão social pode ser resolvida de duas formas, uma onde o problema é de fato resolvido, pessoas são conscientizadas e os detalhes são tratados com seriedade e uma outra, onde o estado não sabe o que fazer e não tem quem saiba.

Dependendo da forma como a questão é tratada, isso reflete de algum modo na sociedade. O proibicionismo, na minha visão, surge como um reflexo inevitável de uma política falida e mal pensada. Quando não temos o que fazer com algo, marginalizamos!

Assim, penso que, independente se aceitamos a legalização irrestrita, a legalização ou a descriminalização, como caminho mais acertado, tanto faz. Pra mim, o processo é o importante, precisamos pensar na questão sob a óptica médica, psicológica e do bom senso. Não podemos mais marginalizar a questão das drogas, seja ela restrita a maconha ou não. A extinsão do proibicionismo deve vir com o tempo, assim que tomarmos atitudes mais responsáveis, como investir na educação como solução ao problema, e não a pólvora!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Eu acredito que o estado não possui o direito de decidir o que eu faço ou deixo de fazer com o meu corpo. Não digo nem da maconha, por exemplo, se eu quiser beber o dia inteiro e morrer cedo, essa é uma opção minha (opção idiota mas uma opção). Meu corpo me pertence.

Mas eu penso que, ainda mais no Brasil, liberar outras drogas poderia gerar caos. Nosso povo não é educado como os holandeses, é triste mas é inegável.

Penso também que, nós do gr temos que dar um passo de cada vez. Primeiramente liberar o auto-cultivo, depois legalizar a maconha. Isso para mim é somente justiça. Minha opção é fumar maconha. Eu honro com todos os meus compromissos e não alimento a violência, assim como eu tem vários na mesma situação, nada mais justo que essas pessoas não precisem ter problemas com a justiça. Apesar do esteriótipo do maconheiro, eu garanto a vocês, quem me vê não acredita que eu sou um maconheiro. Detesto essa comparação mas ela é um fato, diferente de nossos líderes, eu sou honesto trabalho (demais), mas faço uma fumaceira da porra.

Depois, com muita discussão e educação da população, pode-se pensar em legalizar outras drogas. Mais por uma questão de liberdade individual, tipo "faça o que bem entender de sua vida". Aposto que, se um dia o Brasil for assim, a imensa maioria das pessoas iria optar por ter uma vida "normal", no sentido de emprego, família e consumo, do que em ficar o dia inteiro se acabando.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Eu acho que deveriam legalizar todas. Legalizar tudo( plantio, consumo, comercializacão, etc) de qualquer droga. E tambem sou contra a ideia de algum controle de qualidade exercido por orgãos do governo porque não quero que o governo crie mais um cabide de emprego para amigos de politicos. Acho que onde o governo poe a mão a merda ta feita, porque são totalmente incompetentes e desonestos. Ja conheci um cara que trabalhava no Instituto Brasileiro do Cafe porque era casado com a filha de um coronel. Ganhava um tremendo salario, vivia no usa, tudo pago pelo contribuinte. O cara nada entendia de cafe e estava la para fiscalizar a qualidade do cafe brasileiro... pois e...

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom
Legalizar o crack?

Infelismente, Sim! :o

Crack já é um veneno, e não vejo liberdade

Com a legalização, pouco tempo depois do desbunde, surge algo que já deveria existir, mas existe muito pouco ou é totalmente errada, exatamente por ser algo que "deva ficar embaixo do tapete":

- INFORMAÇÃO

Grande MB, mesmo com o fato de vc ser contra o crack (uma merda assassina), que seus conhecidos não deixaram de usar, certo? Vc tentou, alguns vc consegui "salvar", outros preferiram ir no caminho inevitável do crack: a morte

É o mesmo caso da cannabis, por ser "proibida" é "desconhecida" e não é de bom tom que se estude a planta, seus usos e benefícios, mas também e de uma maneira honesta, seus malefícios. Quantas pessoas não acham que a maconha é tão assassina quanto o crack e acham (tem certeza) que vc ou eu não devemos fumar, pois é veneno e estamos nos matando???

O mesmo deve ser estendido ao crack, Lady Heroina, Madame Cocaína, etc e tal. Triste para as pessoas que não "vão segurar a onda" e vão morrer. Muitos morrem com heroína. quase todos com crack....

Mas o que aumenta o número de mortos, não é a virulência da porcaria da pedra, mas a nossa ignorância, a que a proibição nos lança. A verdadeira falta de liberdade é a falta de informação!

Com a informação, filha da cultura, o caminho fica muito mais fácil. Ainda morrerão pessoas, é direito delas se matarem de crack ou salsichas. Apenas devemos todos termos as informãções corretas e podermos dar um auxílio muito mais "profissional" aos nossoa amigos "que estão no fundo do poço".

Seja o poço do crack, do macdonalds, do sedentarismo, do alcool, da maconha, que seja....

Eu não tenho impedimento moral, nenhum, ao suicídio. É a decisão de cada ser humano. É individual. O que eu não aceito, são os "suicídios" por ignorância! Eu não praticaria. Acho a vida muito boa. Mas quem desejar um tiro, um pulo ou uma pedra, sirva-se!

Eu tenho algumas idéias muito malucas, a respeito da legalização das drogas (não só da maconha). Eu não quero comprar maconha na farmácia, pois sou muito saoudável. Não me incomodaria em comprar em um bar ou padaria, mas pelo que eu vejo da cannabis, sua forma de cultivo e potencialidades, eu creio que ele deveria ser vendida na feira, ao lado de sua prima, a Alface (ambas tem sobrenome Sátiva, hehehe). Tô falando sério, a cannabis é produtiva demais para, depois da legalização, não ter pleno desenvolvimento e voltar a ser utilizada para roupas, alimentação, saúde, combustível, além da "diversão", hehehehe

Mas, mesmo achando que TODAS devem ser "Legalizadas" (o que é "Liberadas"????), sei que o caminho é lutar SÓ pela maconha, pois ela tem um uso muito mais difundido, além da multiplicidade de usos

Já falei mais de uma vêz, que o caminho da legalização é o da Cannabis Industrial, o Cânhamo! Com ele legalizado pela indústria, fica mais fácil nós podermos cultivar, até mesmo outdoor.

Vamos, lá, iniciar o ano, jogando água na fervura. aicon18.gif/smile.gif' class='bbc_emoticon' alt=':)' />=~' />

Abrax & Pax

:Maria:

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

O problema Xango, é que as pessoas sabem que faz mal, não há desinformação com relação ao crack, a cocaína e etc, e mesmo assim as pessoas usam.

Tenho um brother que já teve convulsão com cocaína, cheirou meia carreira e caiu se contorcendo, quase arrancou os dedos do irmão na dentada... agora, pergunta pra ele se ele parou... parou nada... hoje em dia manda até umas pauladas.

Outro amigo meu, o "Deda", o cara travou a língua uma vez com crack, teve de tomar leite e o escambau, passou mal MESMO, e 1 semana depois tava lá... fumando de novo...

Por isso que eu digo, crack não é algo que se deva ser legalizado, tem é que ser extremamente repreendido e banido da face da terra.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom
banido da face da terra.

:o

Surtou geral??? uma substância "Tão fácil de ser feita em casa"????

Mano Mangue, mano Mangue!!! Há pouco mais de 33 anos atráz, minha mãe virou prfa mim, de sopetão, e falou:

"Eu sei que vc fuma. Eu preferia que você não fumasse, não por ser perigoso, mas por ser proibido Mas, se vc deseja fumar, eu prefiro que você fume aqui em casa, em segurança, do que na rua, correndo todos estes perigos."

A época era um regime militar... naquela época eram só os, poucos, milicos e dedo-duros. hoje é "pior", ou mais intenso, muito mais meganha e densidade populacional exagerada

Mas, o que eu quero falar, é exatamente a frase da minha mãe, pro seus amigos (no sentido figurado, lógico :rolleyes: ). Na verdade, é o meu desejo e minha luta, para todos nós, que todos possamos saber do perigo e que possamos estar perto de nossos entes queridos, no caso de alguma merda.

Agora, imagima ter uma convulsão na boca?? Procurar leite no buteco da favela???

Agora, esterminar da face da terra, vc pegou pessado demais. Igualzinho o Bush pensa da maconha. Eu sei que vc vai falar que nem existe comparação entre a maconha e o crack, nem precisa, eu concordo plenamente. Mas todos os proibicionistas também desejam "banir" a cannabis da face da terra.

"Eu posso não concordar com o que vc pensa, diz ou faz! Mas eu vou lutar até a morte, para que você sempre tenha o direito de pensar, dizer ou fazer!"

Voltaire

Abrax & Pax

:Maria:

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

O problema é o foco, quem muito quer nada tem como diz o ditado.

Ou quando se vai num debate, é melhor ter um foco do que ser um generalista, melhor defender um ponto com convicção, do que ficar querendo legalizar tudo, e no fim nao conseguir nem se expressar, acontece...

Melhor ir aos poucos...

Defendo a Cultura da Cannabis.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Acho que, com essas de "foco", esquecemos do principal. Não há argumentos para legalizar "apenas" a cannabis, mas argumentos para acabar com a proibição do uso de qualquer drogas, esses sim são sólidos. Pelo menos é no que eu acredito. Acho que o correto seria lutar por TUDO. E, como eu disse, veneno ou não veneno, cada um tem o direito de cuidar de sua vida. Não é só porque alguns de nós aqui achamos que é "mais perigoso" que há direito de censurar os outros.

Lembrem-se: os poderosos acreditam que a maconha também faz mal. Não devemos nos preocupar em provar para eles que ela não faz mal. Devemos é lutar pelos nosso direito inalienável à liberdade.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

É que aqui é uma comunidade de maconheiros, temos a marcha inclusive, nao somos uma comunidade de legalizaçao de drogas no geral:

Responsáveis pelos Poderes da República Federativa do Brasil (Executivo, Judiciário e Legislativo).

Nós, do Growroom, somos totalmente contra qualquer tipo de tráfico. O tráfico gera corrupção, violência, falta de controle e o já conhecido poder paralelo que assola várias cidades no mundo (além é claro, de não gerar nenhum tipo de imposto ao Estado).

O Growroom não tolera, não incentiva e nem faz apologia ao uso de drogas psico-ativas pesadas e degradantes consumidas pela sociedade; Mesmo considerando uma intervenção do Estado na liberdade do indivíduo, em administrar o seu próprio meio de vida, o Growroom é a favor da descriminação e da legalização do autocultivo da Cannabis para consumo próprio, ao contrário dos traficantes de drogas que são contra a sua legalização (eles odeiam concorrentes).

O intuito deste website é fomentar a discussão sobre a Cannabis (vulgarmente conhecida como maconha), assim como os tabus que a envolve, esclarecer aos leigos, oferecer um conhecimento mais profundo sobre o tema, bem como a sua abrangência no meio da nossa sociedade.

Nós estamos empenhados também, em divulgar as pesquisas e achados científicos envolvendo a Cannabis, assim como seus malefícios e benefícios, através da Redução de Danos nos Usuários de Cannabis (REDUC) e na Board Cannabis Medicinal, respectivamente.

Os cultivadores (growers) simplesmente não financiam o tráfico. Por outro lado, consomem muitos produtos industrializados, como lâmpadas, refletores, fertilizantes, timers entre outros artigos. Essa atitude contribui para o aumento da atividade comercial e, conseqüente, aumento de postos de trabalho.

Nossa intenção não é de forma alguma incentivar qualquer tipo de atividade ilegal em qualquer parte do território nacional, que confrontem, os princípios fundamentados no Código de Processo Civil e do Código Penal. Nós atuamos na internet e as leis mudam conforme o lugar de acesso.

Almejamos a legalização do autocultivo de Cannabis, para o consumo próprio e, acima de tudo, queremos acabar com o tráfico, seus malefícios, com o preconceito e a ignorância acerca da Cannabis.

Sintam-se à vontade para navegar, ler e opinar em nosso site, apreciando nossas opiniões, discussões e trabalhos.

Esse é o foco do site, ao meu ver tá implícito isso.

Sou Cannabiscultor (tem essa palavra?), gosto tanto dela que me sinto na obrigação de preservar a genética da mesma.

Quem quer legalizar tudo, deve existir uma comunidade especifica, os que estao cultivando, tenho certeza que estao fazendo sua parte, ao contrario de quem nem planta, geram ruido apenas.

Se conseguirmos legalizar o auto cultivo, bom, existem bons advogados que sabem manipular as leis, como pra alguns é tudo droga, já viu a brecha pro advogado explorar...

O primeiro passo é plantar, o resto é conversa pra boi dormir...

Falar em publico que quer somente a maconha, é menos chocante do que dizer legalizar tudo, pra mim quem defender a legalização de tudo publicamente, nao vai muito longe, vai ficar somente nas idéias, por isso do foco, é tudo questão de foco.

Veja o exemplo de quem começou a conversa, ele planta, ta freqüentando aqui ainda, ou é apenas um usuário que reclama do sistema?

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom
O primeiro passo é plantar, o resto é conversa pra boi dormir...

Bom, o copy tá certo e eu estou no lugar errado.

Eu sempre acreditei que o ser humano teria de ter a "sua supremacia", ser livre e ter dignidade. Só para que para ser livre, é OBRIGATÓRIO que a pessoa não se filie a ninguém (ou nenhum board).

Como o Copy citou, muito bem, eu não sou bem vindo aqui no Growroom, que só deve ser frequentada por growers de maconha., e não deve ser frequentado por pessoas que não palnatem (meu caso, sóu só um reles de um bosta de um palpiteiro, e como o copy falou mais de uma vez, ele não desce do pedestal dele para conversar com burros como eu. Tá certo ele, e eu que estou em lugar errado). como ele é um growers profissional, que tudo sabe, não deve realemte perder o tempo precioso deleo, com teóricos que dó querem "enrrolar e jogar fora conversas para boi dormir"

desculpem-me, podem apagar meus posts, ou eu mesmo faço.;

adeus

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

O que eu disse Cabelo, é o foco do site, nao falei nada de regras, se quiser liberar tudo como o Pollomaconha, ele tá deslocado pra tentar colocar as ideias dele em pratica aqui, visto que nosso interesse aqui é plantar maconha, se a pessoa quer liberar tudo, faça algo entao nesse sentido, no minimo um sitio meia boca da pra ser feito em horas, tem de ter culhoes pra manter...

Como disse, o resto é conversa pra boi dormir, quem ta na trincheira, tá plantando ou fazendo algo concreto, o resto é blablabla.

Veja o Sergio, ele tem culhoes pra sair na TV, se mostrar e os cambau.

Os responsaveis pelo GR, esses tao na trincheira, independente deles plantarem ou nao Xango, estao fazendo algo concreto, e nao a conversa pra boi dormir.

Assim como vc., que traz informações pra nos, que é algo concreto, se vc. se identificou com algo que eu tenha escrito, paciência, em nenhum momento me veio vc. na cabeça Xango, tava mais falando com o Pollomaconha, que é coerente o pensamento dele, mas só dizer isso nao vai ajudar em nada.

Mesmo porque, os plantadores aqui (apesar do site ser focado no auto cultivo) sao minoria, é muito pouca gente que planta ainda, espero ver mais pessoas plantando, consequentemente a lei ficar mais branda com quem planta, e por ae vai, aos poucos.

Legalizar tudo, é muita informação pra alguns no momento, melhor ir aos poucos, pra galera entender, pra legalizar apenas a maconha, já ta dificil, imagina um monte de drogas, informar sobre tudo...por isso do foco, tem de ganhar as batalhas, pra vencermos a guerra.

Tem de por em pratica as idéias, e pra levar essa idéia, aqui nao é o lugar mais adequado IMHO, o GR tem 5 anos, é tempo isso, quero ver alguem manter um sitio por tanto tempo...barulho vai e vem, foda é ficar, criar uma comunidade, e o mais importante IMO, dar continuidade ao trabalho, manter, isso é foda.

É diferente quando o seu tá na reta, tem de ter culhoes pra deixar nome e imagem serem associados a vc., falar todos falamos, mas é o blablabla de sempre...quero ver entrar na trincheira, falar, ate papagaio fala.

Afinal estamos aqui pra discutirmos, e nao ficarmos concordando reciprocamente, e penso que o lance da Cannabis já é algo concreto, tem feiras, eventos, toda uma comunidade formada em torno, mesmo assim é dificil de explicar pra galera os benefícios.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Vish Xango, nada a ver brother, claro que aqui é o teu lugar, e tu é muito bem vindo aqui!

É que houve um conflito de idéias, só isso, nada mais comum em um debate.

Eu sei que a idéia do homem governar a si próprio é ótima, mas na prática infelizmente não funciona... a natureza do ser humano é maléfica e destrutiva.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Calma xango, pelo que voce falou deve ter mais de 40 anos, nao creio que voce ta com essas ideia de menino...(tou de mal, corta aqui)

CONCORDO PLENAMENTE COM VOCÊ no ponto que nos temos que ter nossas proprias escolhas, EU QUERO PODER COMER GORDURA ATE A VEIA EXPLODIR OU VENDER A PIA DA COZINHA PRA COMPRA CRACK... sem que ninguem me tire esse direito....

Mas a discução central do topico é legalizar maconha ou drogas em geral??

EU acho que a sociedade ainda esta muito atrasada pra poder legalizar todas as drogas inclusive a maconha, no nosso pais a pessoa ainda tem que morrer sofrendo ate o ultimo minuto pq o medico nao pode fazer eutanasia.

ENtão como eu ja disse e repito: O negocio é lutarmos inicialmente pela legalização do auto-cultivo da maconha SOMENTE !!!

PAZ

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Sobre o fato desse não ser o lugar para eu "tentar colocar as ideias em pratica aqui", mais ou menos como o CopyLeft falou: olha, se um moderador me disser que o que eu estou fazendo é apologia, bom, aí eu juro que modero o meu linguajar aqui. Se for dito que não é "o foco do forum", vou me sentir censurado (pois estou apenas debatendo, não quero disvirtuar nada aqui dentro), mas acabarei por parar de tocar no assunto também.

Agora, você afirmar que eu "só estou dando minhas idéias" e "não fazendo nada", ", falar, ate papagaio fala" olha, acho que isso disvirtua do propósito da conversa. Não estamos debatendo minha pessoa, já que nem nos conhecemos, estamos debatendo as idéias. Acho injusto da sua parte tentar atribuir essas qualidades a mim, soa uma mera tentativa de me desmerecer.

Eu entendo que todos aqui possam buscar uma "estratégia" para legalizar. E, às vezes, até acredito que legalizar aos poucos é mais eficiente do que ir legalizando tudo.

O que eu defendo não é COMO vamos legalizar. O que eu debato é que eu gostaria de ter certeza que todos nós não vamos "desfocar" da questão inicial, que é a liberdade. E que, mesmo quando tivermos legalizado o plantio da maconha e etc., não tenhamos preconceito em relação à questão maior.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Entendi, o problema é esse, reclamar todos reclamamos, fazer algo, mostrar estratégias, soluções...descer a madeira é mais fácil.

Nao compro, parei, nao compro coisa roubada tambem (ta certo que tem o exemplo do Cabelo, dos caras do fim de mundo, mas é excessao a regra)

Uso da minha liberdade e planto mesmo.

Minha parte eu tenho feito, pelo menos 5 pessoas eu sei que abraçaram a idéia de ser cultivador, se cada uma dessas 5 pessoas conseguirem explicar pra mais 1 que seja, tá bom.

Agora o papo de que nao planta porque nao dá, e compra por causa disso, é conversa pra boi dormir.

Quando eu coloquei aquilo, nao foi na tentativa de censurar nada, apenas mostrei que temos um foco aqui, que esse papo de legalizar tudo, vai dar em nada, é muita informação pra ser analisada, por uma porrada de gente.

É dificil manter o foco durante tanto tempo, como vem sendo feito aqui no GR, vo na Marcha da Maconha, nao digo o mesmo da Marcha da Legalizacao Total, essa nao do as caras se existisse, pra mim é perda de energia levantar essa bandeira.

Em 5 anos, da uma lida pra vc. ter uma ideia de quantos plantadores ja temos aqui, nao muito em 5 anos, é muito mais produtivo defender a maconha do que tudo.

Alguns podem me achar ate radical, por achar errado comprar maconha, se eu nao tivesse como plantar em casa, sem duvida alguma ja tinha feito uma guerrilha, mesmo que eu tivesse que pegar um transporte publico pra chegar no local, sou muito mais correr risco numa mata pra buscar o que eu fiz, do que comprar maconha da mao de traficantizinho de araque.

Ou seja, pra mim legalizar tudo nao da em nada, e quero ver quem vai da as caras pra defender isso, fazendo algo concreto, e nao falando apenas que tá errado (isso ja sabemos) querendo encontrar um culpado, pra desengargo de consciência na hora de comprar fumo.

Fumo do meu, tenho feito por merecer, se por ventura eu trombar um camarada na rua, e ele me oferecer uns tapas, pode ate ser que eu fume pra nao fazer desfeita na banca (provavelmente já vo ta de cabeca feita), mas ate agora nao precisei mais disso, desde que comecei a plantar (2004).

Pra mim é perda de tempo lutar pela legaliza©ao total, to na trincheira da maconha e o auto cultivo dela, que a cada ano que passa tem ficado mais forte o movimento, isso é real.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Faça login para comentar

Você vai ser capaz de deixar um comentário após fazer o login



Entrar Agora

×
×
  • Criar Novo...