Ir para conteúdo

Maconha Combate Câncer Agressivo, Revelam Estudos


∆-9-THC

Recommended Posts

  • Usuário Growroom

Maconha combate câncer agressivo, revelam estudos

Cientistas norte-americanos descobriram que Cannabidiol impede metástase de células cancerígenas

Marijuana.jpg

Em breve, pacientes diagnosticados com câncer podem não ter mais que temer o risco de tumores se espalharem pelo corpo. Cientistas do Centro Médico Pacífico da Califórnia, em São Francisco, acreditam ter descoberto uma forma de impedir a metástase, que consiste em uma das principais causas da morte de pessoas com a doença.

A substância “milagrosa” é o Cannabidiol ou CBD, um composto derivado da maconha que não possui efeito psicoativo. Os microbiologistas Sean McAllister e Pierre Desprez aplicaram o CBD em células com alta concentração do ID-1, gene cancerígeno responsável pela metástase, e o processo de reprodução celular voltou ao normal.

“O que descobrimos foi que o Cannabidiol pode desativar esse gene”, explicou Desprez ao jornal norte-americano Huffington Post. As células pararam de se difundir e imigrar para outros tecidos.

Os pesquisadores publicaram a descoberta em 2007 e, agora, preparam a divulgação de um estudo ainda mais aprofundado sobre o assunto e que pode revolucionar o tratamento do câncer. Nesta nova etapa, os testes foram realizados em células de laboratório de diversos tipos da doença e em animais.

“Nós começamos pesquisando câncer de mama. Mas atualmente descobrimos que o Cannabidiol também funciona com outros tipos de câncer agressivo – cerebral, na próstata – em qualquer tipo que o gene ID-1 esteja presente em alto nível”, disse Desprez ao Huffington Post.

Os resultados obtidos foram extremamente positivos e a dupla se prepara para iniciar a pesquisa com humanos. "Os dados dos ensaios pré-clínicos são muito fortes, e não há nenhuma toxicidade. Há realmente uma série de pesquisas para serem feitas e deixar as pessoas animadas", comemorou McAllister ao jornal norte-americano San Francisco Chronicle.

Usuários da maconha podem estar contentes com a descoberta, mas devem saber que o tratamento não será tão simples quanto acender a um cigarro da erva. Desprez explicou que, para evitar que as células cancerígenas se espalhem, os pacientes precisam de uma dose alta de Cannabidiol que não é encontrada na composição natural da Cannabis Sativa.

“Nós usamos injeções nos testes com os animais e também estamos testando pílulas”, disse ele. “Mas você nunca poderia ter o suficiente Cannabidiol para a cura ser eficaz apenas fumando maconha”, acrescentou.

Outros estudos

Não é a primeira vez que um estudo aponta efeitos benéficos da Cannabis Sativa no tratamento do câncer. Além de o Cannabidiol ser utilizado para acalmar e evitar o enjoo em pacientes submetidos à quimioterapia, outras pesquisas revelaram que a substância psicoativa da maconha pode matar células cancerígenas.

Em 2006, equipe de cientistas espanhóis coordenada por Manuel Guzman conduziu o primeiro teste clínico da ação do THC (tetrahidrocanabinol) em pacientes internados com câncer no cérebro. Os pesquisadores introduziram a substância pura nos tumores de nove pessoas, que não haviam respondido aos tratamentos convencionais de cura do câncer. Em todos os casos, o THC conseguiu reduzir a proliferação das células cancerígenas.

Na mesma época, cientistas da Universidade de Harvard reportaram que tumores malignos no pulmão diminuem seu crescimento se expostos ao elemento psicoativo da maconha. “O THC reduz significantemente a habilidade do câncer se espalhar”, afirmou em relatório o grupo citado pela revista norte-americana Daily Beast.

Em contraposição às práticas de quimioterapia e radioterapia, as substâncias derivadas da maconha não danificam o corpo dos pacientes, atuando apenas nas células cancerígenas.

http://operamundi.uo...do cancer.shtml

  • Like 7
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Próximos nada, a cura tá ai e existe a milhares de anos.... o conhecimento sobre ela que está restrito a poucos,

Não é estudo que vai tornar ela medicinal, a planta já está pronta tem tempo já,

mais o conhecimento sobre seus cannabinóides se bem usado pode influenciar na seleção de genéticas com maior teor dos cannabinóides mais medicinais como o CBD por ex.,

e sendo que existem mais de 60 cannabinóides, ainda tem muito que se descubrir ainda em matéria de efeito medicinal.

Quem toma o óleo já se beneficia hj de todos os efeitos medicinais que ainda nem foram descobertos, esse é o ponto....

:335968164-hippy2:

  • Like 9
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Próximos nada, a cura tá ai e existe a milhares de anos.... o conhecimento sobre ela que está restrito a poucos,

Não é estudo que vai tornar ela medicinal, a planta já está pronta tem tempo já,

mais o conhecimento sobre seus cannabinóides se bem usado pode influenciar na seleção de genéticas com maior teor dos cannabinóides mais medicinais como o CBD por ex.,

e sendo que existem mais de 60 cannabinóides, ainda tem muito que se descubrir ainda em matéria de efeito medicinal.

Quem toma o óleo já se beneficia hj de todos os efeitos medicinais que ainda nem foram descobertos, esse é o ponto....

:335968164-hippy2:

mano, quebro tudo!! rsrsrs
  • Like 3
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Quem toma o óleo já se beneficia hj de todos os efeitos medicinais que ainda nem foram descobertos, esse é o ponto

Isso ai pescoço, sabias palavras!

Minha Dog tem um tipo de cancer de mama muito agressivo, e infelizmente já esta rolando uma metastase brava....

Fora os farmacos convecionais, trato ela com o velho esquema do miolo de pão a lá Cannaíba (óleo de Cannabis + óleo de Copaíba). :thumb:

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Isso ai pescoço, sabias palavras!

Minha Dog tem um tipo de cancer de mama muito agressivo, e infelizmente já esta rolando uma metastase brava....

Fora os farmacos convecionais, trato ela com o velho esquema do miolo de pão a lá Cannaíba (óleo de Cannabis + óleo de Copaíba). :thumb:

Fala x99,

Então eu tb trato a minha cachora que tem o msm problema, como ela já tem quase 13 anos e tá bem velinha já tá foda conseguir zerar totalmente a doença, que é cancer de pele tb alem das bagaça nas tetas,

o bom é que ela já vem sendo tratada a um ano e meio, e se não fosse o óleo já teria morrido a muito tempo,

Logo vou conseguir dar uma turbinada no tratamento dela, tou conseguindo fazer mais óleo e quem sabe consigo cercar a doença de vez...

As feridas que saem na pele dela o mix com copaiba curam muito rápido é impressionante de ver,

só que a midida que vou curando um ponto vai saindo em outro...

Dou Hemp Oil tb, enrolo no miolo de pão e ponho o miolo dentro de um pedacinho de bolo que ela come.

Começe a passar o mix de copaiba nas tetas dela.

Abraço.

  • Like 2
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 2 weeks later...
  • Usuário Growroom

putz!

acabei de postar esta matéria tb

muito bom...

Mas isso eu já sabia, faço o uso preventivo a uns 15 anos.... :335968164-hippy2::icon_spin:

Pra vc eliminar um tumor é preciso de alta quantidade de cbd,

mas acho q se vc MANTÊM CONSTANTE :animbong::joint::animbong::420:

uma alta qtdde de cbd no sangue, o início da metástase pode ser impedido... :tongue0011:

talvez não, talvez não seja possível manter cbd em todas as células e o uso deva ser direcionado...

mas... está aí... desde 2007, espero q não sabotem as pesquisas ou estes pesquisadores...

salve JAH !

rsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrsr :335968164-hippy2:

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 4 weeks later...
  • Usuário Growroom

hahahahahahah caralho que raiva da globo eles semana passada falaram q maconha causa cancer de prostata e testiculo pq aumento esse cancer na california agora vme esse estudo falando que o cbd combate o cancer QUERO VER SEUS FELAS DA PUTA BOTA AI NO JORNAL NACIONAL

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

A planta deve ajuda a prevenir , mas pra tratar algo como um câncer em metastase talvez realmente seja necessário o uso de doses cavalares que não rola ao fumar... será que tem algum químico no fórum capaz de explicar como fazer um concentrado de CBD de maneira mais caseira? ou é um processo que só rola em laboratório mesmo?

Pior é ver tanto proibicionista indo contra a cannabis medicinal... entendo embora discorde e ache infantil o cara ser contra o uso recreativo , mas dá vontade de arrastar cada um desses que é contra o uso e a pesquisa pra fins medicinais para uma ala oncológica e falar "Cada uma dessas pessoas sofrendo , cada momento de agonia , dor e sofrimento deles e dos familiares deles é decorrente de sua atitude mesquinha perante a legalização do uso medicinal" e então arrastar o cidadão de pessoa em pessoa forçando ele a olhar nos olhos de cada enfermo e pedir pra cada um deles perguntar "Porque você insiste que eu sofra? porque você insiste que eu morra?" ... quero ver se no segundo paciente o cara já não mudava de opinião...

PQP... :(

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

A planta deve ajuda a prevenir , mas pra tratar algo como um câncer em metastase talvez realmente seja necessário o uso de doses cavalares que não rola ao fumar... será que tem algum químico no fórum capaz de explicar como fazer um concentrado de CBD de maneira mais caseira? ou é um processo que só rola em laboratório mesmo?

Pra tratar cancer ou outra doença grave tem que ingerir o Hemp Oil, assim doses concentradas de cannabinóides são disponibilizadas pro nosso corpo,

Não precisa ser quimico pra se fazer o óleo, pelo contrário é relativamente simples e q/q pessoa pode fazer,

e justamente por isso a planta é perseguida, somado ao fato de não poder patentiar algo natural...

Pra fazer o óleo concentrado em CBD vc tem que ir atraz de selecionar uma genética rica nesse cannabinóide,

já existe disponivel algumas plantas ricas em CBD como Cannatonic, Harlequin, Sour tsunami, tem tb um banco de sementes chamado CBD Crew que tb tem ótimas opções...

  • Like 4
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Pra tratar cancer ou outra doença grave tem que ingerir o Hemp Oil, assim doses concentradas de cannabinóides são disponibilizadas pro nosso corpo,

Não precisa ser quimico pra se fazer o óleo, pelo contrário é relativamente simples e q/q pessoa pode fazer,

e justamente por isso a planta é perseguida, somado ao fato de não poder patentiar algo natural...

Pra fazer o óleo concentrado em CBD vc tem que ir atraz de selecionar uma genética rica nesse cannabinóide,

já existe disponivel algumas plantas ricas em CBD como Cannatonic, Harlequin, Sour tsunami, tem tb um banco de sementes chamado CBD Crew que tb tem ótimas opções...

AMEM!
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Pra tratar cancer ou outra doença grave tem que ingerir o Hemp Oil, assim doses concentradas de cannabinóides são disponibilizadas pro nosso corpo,

Não precisa ser quimico pra se fazer o óleo, pelo contrário é relativamente simples e q/q pessoa pode fazer,

e justamente por isso a planta é perseguida, somado ao fato de não poder patentiar algo natural...

Pra fazer o óleo concentrado em CBD vc tem que ir atraz de selecionar uma genética rica nesse cannabinóide,

já existe disponivel algumas plantas ricas em CBD como Cannatonic, Harlequin, Sour tsunami, tem tb um banco de sementes chamado CBD Crew que tb tem ótimas opções...

O Hemp oil é um extrato da planta , ele vai manter a proporção dos cannabinóides , porem enquanto alguns cannabinóides conseguem reduzir diversos canais de crescimento de tumores , tem outros que aumentam (ao menos pelo que lí de artigo ciêntifico por ai) , a minha pergunta foi direcionada a um quimico porque eu queria saber da possibilidade de se fazer um extrato com um certo isolamento do CBD.

Tendo em vista que talvez a dosagem de CBD necessária seja tão alta que com a presença dos outros cannabinóides incapacite o paciente durante o tratamento.

Mas enfim , agora não tenho como mas depois vou ler a pesquisa pra ver a dosagem utilizada de CBD e comparar com a média atingida nos Hemp Oils , para ter mais clareza para comentar sobre o assunto.

Mas só pra esclarecer a duvida é quanto ao isolamento do cannabinóide no extrato e não sobre como atingir maior concentração que é um processo bem mais simples. :)

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Pra tratar cancer ou outra doença grave tem que ingerir o Hemp Oil, assim doses concentradas de cannabinóides são disponibilizadas pro nosso corpo,

Não precisa ser quimico pra se fazer o óleo, pelo contrário é relativamente simples e q/q pessoa pode fazer,

e justamente por isso a planta é perseguida, somado ao fato de não poder patentiar algo natural...

Pra fazer o óleo concentrado em CBD vc tem que ir atraz de selecionar uma genética rica nesse cannabinóide,

já existe disponivel algumas plantas ricas em CBD como Cannatonic, Harlequin, Sour tsunami, tem tb um banco de sementes chamado CBD Crew que tb tem ótimas opções...

Thiabo tenque ser o hemp oil mesmo?

não pode ser um kief?

que para min sairia mais em conta como moro no interior e o litro do alcool aqui é um absurdo(IMO) 20 reais tanto o de cereais como o absoluto!

estou querendo parar de fumar a um tempo já...só ingerir para ter um aproveitamento de 100% dos canabinóides no meu corpo para ver se me livro de uma dor chata que tenho a anos...

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

O Hemp oil é um extrato da planta , ele vai manter a proporção dos cannabinóides , porem enquanto alguns cannabinóides conseguem reduzir diversos canais de crescimento de tumores , tem outros que aumentam (ao menos pelo que lí de artigo ciêntifico por ai) , a minha pergunta foi direcionada a um quimico porque eu queria saber da possibilidade de se fazer um extrato com um certo isolamento do CBD.

Tendo em vista que talvez a dosagem de CBD necessária seja tão alta que com a presença dos outros cannabinóides incapacite o paciente durante o tratamento.

Mas enfim , agora não tenho como mas depois vou ler a pesquisa pra ver a dosagem utilizada de CBD e comparar com a média atingida nos Hemp Oils , para ter mais clareza para comentar sobre o assunto.

Mas só pra esclarecer a duvida é quanto ao isolamento do cannabinóide no extrato e não sobre como atingir maior concentração que é um processo bem mais simples. :)

Não tem nenhum cannabinóide que prejudique nosso organismo, todos os mais de 60 são medicinais,

aliaz li um artigo que falava que todos os 421 componentes quimicos presentes na planta e não apenas os cannabinoides são 100% não tóxicos para o ser humano.

Thiabo tenque ser o hemp oil mesmo?

não pode ser um kief?

que para min sairia mais em conta como moro no interior e o litro do alcool aqui é um absurdo(IMO) 20 reais tanto o de cereais como o absoluto!

estou querendo parar de fumar a um tempo já...só ingerir para ter um aproveitamento de 100% dos canabinóides no meu corpo para ver se me livro de uma dor chata que tenho a anos...

Dá pra ser o kief sim, porem ele será bem menos psicoativo por não descarboxilar(aquecer) os cannabinóides,

dependendo do tratamento desejado é melhor o óleo por conta disto, insônia por ex.

Pra render o alcool vc pode extrair o kief e por ele em uns 50 ml de alcool e dai por pra evaporar,

o que sobrar de ganja da extração do kief vc põe em uns 150ml de alcool pra ver se ainda tira mais algo...

:335968164-hippy2:

  • Like 3
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Não tem nenhum cannabinóide que prejudique nosso organismo, todos os mais de 60 são medicinais,

aliaz li um artigo que falava que todos os 421 componentes quimicos presentes na planta e não apenas os cannabinoides são 100% não tóxicos para o ser humano.

Tem o link pro artigo? em menos de 5 min de google já achei um artigo que contraria essa afirmação: http://cancerres.aac...64/6/1943.short

não to dizendo que ela piora ou melhora o câncer , to dizendo que ainda existem estudos que relatam as 2 possibilidades e portanto o isolamento do canabinoide tal qual especificado no artigo seria interessante... embora sim , a maioria esmagadora dos artigos apontem para inibição do crescimento dos tumores.

Outra coisa é que não é por algo ser medicinal que esse algo não traz prejudica nosso organismo... medicinal quer dizer apenas que tem aplicação médica e estamos aqui lutando pela liberação da maconha justamente porque ela tem menos riscos que a maioria dos outros medicamentos... e advinha eles também são medicinais...

Mesmo sendo medicinal e natural pode sim causar danos ao organismo....

Acho muito estranho dizer que nenhum componente da maconha é tóxico , todos sabemos que existem alguns efeitos negativos decorrentes do uso porem que geralmente eles não são graves na maioria dos indivíduos...

Enfim , aguardo o link pro artigo... e vamos torcer pro governo abrir os olhos para todas as possibilidades que nossa querida planta pode oferecer , para compreendermos ela melhor e tirar o melhor proveito possível dela.

Achei um artigo maneiro que comenta várias pesquisas feitas até o momento, segue o que ele fala sobre cancer e o link.

It is known that after smoking cannabis, inflammation and precancerous signs can be observed, attributable to high concentrations of cannabinoids, which are structurally related to the carcinogenic cyclic aromatic hydrocarbons present in inhaled tar after cigarette smoking.32-34 Studies suggest that inhaled THC is capable of activating transcription of CYP1A1 in the lungs, and of simultaneously inhibiting its function competitively, which implicates that smoking medical cannabis may impose a risk for developing smoking-related cancers.32 Although probably of limited importance in the treatment of patients with advanced cancer who will use medicinal cannabis generally in a tea formula for a limited period of time, epidemiologic studies found evidence for higher incidence of cancer in recreational cannabis users, of which one found a relation with frequency and duration of smoking cannabis.35,36 However, other studies do not show such relations.37,38Currently, the relationships between cancer and medicinal oral use of cannabinoids, and cancer and medicinal cannabis as tea are not known. Despite relations between higher incidence of certain types of cancer, such as glioma, airway, and prostate cancer, and cannabis exposure,35,36,39 the question has been raised whether cannabinoids and their derivatives could be used to develop new anticancer therapies themselves.40 Indeed, certain cannabis components, like CBD and THC, have antitumor properties in different cell lines and in mouse models.40,41 However, caution is needed in clinical use of medicinal cannabis in oncology practice, because recently it has been shown that THC and other cannabinoids are capable of inducing cancer cell proliferation in certain tumor cell lines.42

Fonte: http://jco.ascopubs.org/content/23/13/2886.full

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Faça login para comentar

Você vai ser capaz de deixar um comentário após fazer o login



Entrar Agora
×
×
  • Criar Novo...