Ir para conteúdo

Rs: Polícia Apreende Pés De Maconha Em Apartamento De Classe Média Alta


LostSKUIX

Recommended Posts

  • Usuário Growroom

Reduto boêmio da Capital, o bairro Cidade Baixa era palco de um esquema de tráfico de drogas que fornecia maconha para um círculo restrito de clientes de bom poder aquisitivo na cidade. Dois irmãos, de 21 e 25 anos, seriam os responsáveis pelo crime.

Os dois jovens foram presos nesta segunda-feira junto com o pai, de 57 anos, no apartamento da família, na Rua da República, onde a polícia apreendeu ainda dois pés da droga com cerca de 1,5 metro de altura cada que eram cultivados no local e já haviam sido avistados na sacada.

Sozinha, a dupla cultivava a maconha, captava os clientes e vendia a droga. Bem vestidos, calçando tênis de grife e dirigindo veículos modelo 2011, os irmãos não levantavam suspeitas entre os vizinhos.

De acordo com o delegado Mário Souza, do Departamento Estadual de Repressão ao Narcotráfico (Denarc) da Polícia Civil, o grama da erva produzida pelos jovens chegava a ser vendido por até R$ 30, aproximadamente seis vezes mais caro que o preço usual.

Pura, a maconha que eles vendiam tinha alta concentração de THC (substância psicoativa da maconha) e causava um efeito muito maior explica o delegado.

Cultivada da maneira correta, a planta pode alcançar dois metros e render até três quilos de droga.

Em casa, os irmãos guardavam ainda 400 gramas de maconha embalada, meio quilo da droga ainda não prensada, e 200 sementes. Além disso, a polícia encontrou no apartamento êxtase, LSD, lança-perfume, armas, munição e notas de real e dólar .

Esta droga é muito mais forte do que as que a gente está acostumado a pegar diz o delegado.

A descoberta é resultado da Operação Colheita, que começou há 30 dias com investigações em Capão da Canoa, a partir da denúncia de que os dois poderiam viajar ao Litoral Norte para vender a droga.

Os irmãos foram autuados por tráfico de drogas e associação para o tráfico, com o agravante de cometer os crimes perto de uma escola. O pai responderá por associação para o tráfico. Encaminhada para o Presídio Central, a família não teve a identidade revelada pela polícia.

Em vídeo, veja o material apreendido pela polícia:

http://zerohora.clicrbs.com.br/rs/geral/noticia/2013/02/policiais-apreendem-pes-de-maconha-em-apartamento-na-cidade-baixa-4048320.html

É....Dessa vez parece que os canas realmente fizeram algum trabalho de investigação

Os mulekes ainda cairam todos errados cheios de flagrantes

Estão fudidos, só lamento por eles...

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Reduto boêmio da Capital, o bairro Cidade Baixa era palco de um esquema de tráfico de drogas que fornecia maconha para um círculo restrito de clientes de bom poder aquisitivo na cidade. Dois irmãos, de 21 e 25 anos, seriam os responsáveis pelo crime.

Os dois jovens foram presos nesta segunda-feira junto com o pai, de 57 anos, no apartamento da família, na Rua da República, onde a polícia apreendeu ainda dois pés da droga com cerca de 1,5 metro de altura cada que eram cultivados no local e já haviam sido avistados na sacada.

Sozinha, a dupla cultivava a maconha, captava os clientes e vendia a droga. Bem vestidos, calçando tênis de grife e dirigindo veículos modelo 2011, os irmãos não levantavam suspeitas entre os vizinhos.

De acordo com o delegado Mário Souza, do Departamento Estadual de Repressão ao Narcotráfico (Denarc) da Polícia Civil, o grama da erva produzida pelos jovens chegava a ser vendido por até R$ 30, aproximadamente seis vezes mais caro que o preço usual.

Pura, a maconha que eles vendiam tinha alta concentração de THC (substância psicoativa da maconha) e causava um efeito muito maior explica o delegado.

Cultivada da maneira correta, a planta pode alcançar dois metros e render até três quilos de droga.

Em casa, os irmãos guardavam ainda 400 gramas de maconha embalada, meio quilo da droga ainda não prensada, e 200 sementes. Além disso, a polícia encontrou no apartamento êxtase, LSD, lança-perfume, armas, munição e notas de real e dólar .

Esta droga é muito mais forte do que as que a gente está acostumado a pegar diz o delegado.

A descoberta é resultado da Operação Colheita, que começou há 30 dias com investigações em Capão da Canoa, a partir da denúncia de que os dois poderiam viajar ao Litoral Norte para vender a droga.

Os irmãos foram autuados por tráfico de drogas e associação para o tráfico, com o agravante de cometer os crimes perto de uma escola. O pai responderá por associação para o tráfico. Encaminhada para o Presídio Central, a família não teve a identidade revelada pela polícia.

Em vídeo, veja o material apreendido pela polícia:

http://zerohora.clicrbs.com.br/rs/geral/noticia/2013/02/policiais-apreendem-pes-de-maconha-em-apartamento-na-cidade-baixa-4048320.html

é aquilo que eu digo, arma-se uma ficção, esse texto é retórico

cadê fotos ou imagens do comercio ?

onde tá a gravaçao telefônica que prova o comercio?

cadê a lista de clientes?

tem pelo menos um que afirma que comprou deles?

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

"500 gramas da droga ainda nao prensada"

Quem falou que o cara ia prensar.

Ta muito mal contada essa história, esses repórteres parecem porcos na lama, fazendo uma coisinha se transformar num mega problema, e impondo rótulos sem provas

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

evidencia??

quela mixaria de grana?

normal? vaso substrato e caule galhos e folhas comporem o peso!!!

pistola de chumbinho e mais muniçao......kkk

a de verdade pode ser do pai, que consentia no cultivo....sabe-se la se fuma ou nao

e depois tooooda investigação dessa canalha "leva meses"..... ate parece que eles trabalham tanto assim

a verdade é que ainda é proibido e lingua solta se da mal

pq se nao despertavam suspeitas dos visinhos, dançaram por algum deslize

o segredo ainda continua a ser a chave do sucesso

é noizzzz

s/ deslizes

  • Like 4
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

acho q esse tipo de operação é voltada pra quem planta pra vender !!

aquele cara que tem um pezinho só pra consumo esse pode ficar tranquilo..

mano essa operação e pra qm qr fuder com a gente porra!!

vender nao é errado igual fumar nao é errado!!

vai plantar 1 pé e espear q a policia vai te tratar bem como usuario, vai virar uma noticia dessa ai de 3kg e q tu vende e vao ter varios aqui pensando igual tu falando q "ta certo" se tiver vendendo!!

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

É interesante a cabeça dos maconheiros do Brasil, muitos crucificam os traficantes q garantem o acesso a erva, se não fossem esses contraventores desafiando a lei e a policia, de quem comprariamos a nossa amada erva? Pra mim o crime q eles cometem é sonegar impostos e vender para menores mas isso todo dono de boteco faz com a bebida alcolica!

É preciso legalizar para regulamentar este mercado q esta sem controle nenhum... e tem outra, a maioria dos traficas q conheci nos meus 27 anos de maconheiragem eram gente boa e nunca pegaram numa arma, muitos não tiveram oportunidades na vida e o q sobrou foi vender maconha...

Não faz muito tempo arrumar um emprego no Brasil era foda pra caralho, vi muito engenheiro vendendo pastel, plano de saude e até maconha.

Eu por exemplo cultivo a 1 ano e meio, antes disso era prensado mesmo que eu comprava de traficantes... o auto cultivo é uma saida mas não é a solução dos problemas, radicalismo só vai servir para isolar quem não cultiva, nem todo mundo pode ou quer cultivar a tão desejada cannabis, o comercio é inevitavel e como ja disseram quem vende é comerciante não traficante.

Compra quem quer, vende quem tem coragem, cultiva quem tem dedo verde... hehehehe

  • Like 14
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Falou tudo Gremist4!

ficou com muitas evidencias de trafico essa parada ai.

vai ser foda provar que eram usuários.

meu, acorda. pistola não é evidência de tráfico. ter prensado, lsd e lança também não. quantidade de fumo muito menos. neguim pode ter 10 kilos de maconha em casa, uma pistola, vários tipos de drogas e não ser traficante.

evidências de tráfico são aquelas que ligam o acusado à venda, como lista de clientes, planilhas de vendas, enriquecimento ilícito e etc.

amanhã a polícia pode entrar na casa de qualquer um aqui, revirar tudo, juntar coisas que não tem nada a ver e mesmo sem uma pistola ou outras drogas acusar de tráfico!

acho que passou da hora de aprendermos a ouvir todas as partes antes de acusar. e principalmente, aprender que notícia passada pela mídia sempre distorce os fatos contra o acusado pra satisfazer a massa reacionária que adora ver os outros se fuderem, principalmente os maconheiros.

enquanto nós mesmos, maconheiros, não mudarmos nossa cabeça acho difícil conseguirmos convencer os outros sobre nossos direitos.

No one but ourselves can free our minds!

  • Like 6
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

na boa, nem todo mundo q trafica é gente ruim, e nem todo grower q cai planta pra sí mesmo...

PC naum é PM, não invade casa sem mandado, se tem mandado é pq tem investigação, se tem investigação é pq algo não ta certo...

ta escrito ali "Operação Colheita", quando eu li achei q eles tavam fazendo uma série de buscas e apreensões de cultivos pessoais, mas não, a operação se refere aos cabeça em questão...

duvido muito q a pc ia faze uma operação por causa de dois pé de maconha...

vale lembra q quando PM aparece fudendo cultivo não tem "operação" nenhuma, é quase sempre denuncia mal explicada, flagrante "acidental" mal explicado etc...

Edit: pra consta, post não baseado na notícia, foda-se a notícia, post baseado no fato de ter crescido no meio de PC, ter passado um bom tempo no palácio, conhecendo suficientement o procedimento... e se alguem ja leu algum post meu sabe muito bem q eu não vejo nada de errado em um adulto vender uma planta pra outro adulto, mas devemos questionar as coisas sempre, podemos estar errados, podemos estar certos, mas oq é certo é q pouquissimas vezes as coisas serão só e sempre como queremos...

  • Like 3
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

na boa, nem todo mundo q trafica é gente ruim, e nem todo grower q cai planta pra sí mesmo...

PC naum é PM, não invade casa sem mandado, se tem mandado é pq tem investigação, se tem investigação é pq algo não ta certo...

ta escrito ali "Operação Colheita", quando eu li achei q eles tavam fazendo uma série de buscas e apreensões de cultivos pessoais, mas não, a operação se refere aos cabeça em questão...

duvido muito q a pc ia faze uma operação por causa de dois pé de maconha...

vale lembra q quando PM aparece fudendo cultivo não tem "operação" nenhuma, é quase sempre denuncia mal explicada, flagrante "acidental" mal explicado etc...

isso ae, os porcos gostam de enfeitar, inventar operações, brincar de swatt, fingir que sabem quanto fumo rende um pé, o preço e etc....

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

um fato foda é q pelo menos aki em POA oq mais tem é PC q fuma um... deve se foda te q leva em cana um cara q tu sabe q só ta errado num pedaço de papel, mas parece q o povo só enxerga duas opções:
1) calar e obedecer para que possamos nos alimentar e ter um lazer minimo.
2) Começar a pensar e agir com consciência para que o estado nos prenda, espanque e mate.

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Operação de 30 dias, não fizem o flagrante porque?

Perfeito comentário...é isso que naõ dá pra entender, os fdp investigam por 30 dias mas não conseguem dar um flagrante de venda???? VTNC então, vai aprender a trabalhar antes de prender maconheiro.

  • Like 2
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Temos aqui na casa um usuário que foi inclusive membro da moderação, que acordou um dia com policias da elite da polícia civil arrombando seu apartamento com armas de pesado calibre em punho, para levá-lo à DP para assinar um 28. Claro que devidamente acompanhados de cameramans e fotógrafos, que fizeram a festa naquele dia, em que todos os canais de televisão noticiaram o fato criminoso.

Foi feita, nesse caso, uma investigação de quase um ano, para devassar a vida de um cara, que decidiu converter um armário em ambiente de cultivo, no qual existiam algumas plantas crescendo, e outras florindo.

Polícia é uma piada. Denúncia anônima é escroto. E julgar apressadamente, desqualificar moralmente qualquer um, é bater palmas para esse sistema fascista.

  • Like 18
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Faça login para comentar

Você vai ser capaz de deixar um comentário após fazer o login



Entrar Agora

×
×
  • Criar Novo...