Ir para conteúdo

soltinho

Usuário Growroom
  • Total de itens

    78
  • Registro em

  • Última visita

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

soltinho's Achievements

Newbie

Newbie (1/14)

  • Week One Done Rare
  • One Month Later Rare
  • One Year In Rare

Recent Badges

36

Reputação

  1. Isso é uma dúvida minha também. Comprei um dynavap recentemente e mal espero recebê-lo. Meus objetivos com o vape são apenas um: fumar mais maconha. Eu leio em todo lugar que vaporizador economiza muita erva, então seria bom pra visitas à lua sem aumentar a quantidade que compro. ABV é algo que me deixa um pouco cabreiro, se sobra suficiente pra lombrar de novo, fazer comestível e tal, será que lombra menos por sessão? O que penso é que o isqueiro torra todos os canabinoides ali daquela ponta antes de vc conseguir usufruir deles, e nesse ponto o vaporizador é mais eficiente, mas depois que o baseado acende eu gosto de mantê-lo aceso e fico puxando constantemente beeeeeeem devagarzinho. A fumaça quente que vem da brasa, e até mesmo a própria brasa, deve vaporizar a erva mais longe da brasa, no caminho que ela faz até chegar em nossa boca. Eu acho que a gente fica chapado, além da combustão, dos vapores da canabinoides que são soltados nesse percurso da fumaça. Ed Rosenthal fala que tem mt mais maconha na segunda metade do beck do que na primeira, e sugere que o dono da maconha deva ser o último da roda. Eu acho (sem embasamento nenhum) que isso é pq os canabinoides vão se derretendo pelo calor da fumaça (e de derreter pra vaporizar é um pulo?). Eu gosto de fumar o beck apontado pro céu na primeira metade e pra terra na segunda metade. Será que o beck fumado calmamente vaporiza mais eficientemente do que um vaporizador, já que não sobra nada? Hipótese: a brasa não tem canabinoide nenhum, mas daqui que a brasa chegue num determinado ponto do beck aquele ponto já virou ABV e aí a brasa vem e simplesmente faz vc fumar ABV. hipótese 2: baga = ABV
  2. Colocar dentro de material que não deixa odor passar, possivelmente várias camadas, e depois dentro de algum xampu é uma opção. É imprescindível lavar bem as mãos e depois lavar bem o lado externo do material, fazer isso pra cada camada. Como uma medida extra, rola dissolver um pouco da maconha em álcool e dar uma borrifada discreta em algo que não tenha nada a ver com você, tipo na porta do banheiro se tiver, e sentar do lado, ou em algum corrimão, ou até mesmo em cédulas na sua carteira, para confundir cachorro, mas se tiver cachorro vc precisa supor que vai ser preso e qualquer coisa é lucro. No geral é bom já fazer esse tipo de coisa com a ideia de que vai ser preso. Também é bem melhor fazer essas coisas com haxixe ou óleo do que com verde, o volume é muito grande...
  3. Muito bom esse diário, obrigado! Fiquei com uma dúvida a respeito das entradas no diário de ferts. 25/07/2018 - Fert - 2ml Bio Heaven - 1l água -- Foi uma rega de solução 2ml/L, aplicando 200ml por planta, certo? Eu estou com o try pack da bio bizz, que é Bio Grow, Bio Bloom e Alg-A-Mic. Planejo começar a fertilizar quando começar a segunda semana de vida dela, que nem fizesse. Começando com 100ml de 0,25ml/L Bio Grow, aumentando a concentração e volume de rega com o tempo. Uma semana depois começaria Alg-A-Mic, alternando entre solo e foliar. Bio Grow todo dia. Na flora ficaria os três juntos. Vi que começasse o bio bloom antes da flora, dando uma aplicação pequena, duas maiores e mais próximas e começou a usar frequentemente depois de trocar pra 12/12. Por que essas aplicações do bio bloom antes do flip, foi para ajudar a induzir a flora? Outra coisa, eram sementes regulares e todas viraram fêmeas? Valeu de novo pela fonte massa de informação!
×
×
  • Criar Novo...