Ir para conteúdo

Estufa De Maconha É Encontrada Na Zona Leste De São Paulo 26/06


Bogos

Recommended Posts

Irmãos são presos com 40 pés de maconha na zona leste de SP Fernando Neves/Brazil Photo Press/Folhapress 15177824.jpeg Pés de maconha que eram cultivados em casa na zona leste de SP

REGIANE SOARES

DO "AGORA"

27/06/2015 02h00

A polícia prendeu dois irmãos suspeitos de cultivar maconha em estufas instaladas em vários cômodos de uma casa no Itaim Paulista, na zona leste de São Paulo. No imóvel, os policiais encontraram cerca de 40 pés da droga em diferentes fases de cultivo, que foram apreendidos.

O flagrante aconteceu nesta quinta-feira (25), por volta das 17h. A polícia chegou até a casa, na rua Angelo Stefanini, por meio de uma denúncia anônima.

Um vídeo divulgado pela Polícia Militar mostra como os cômodos da casa foram transformados em estufas. As mudas estavam divididas nos ambientes de acordo com o tamanho. Em alguns cômodos, as paredes estavam forradas com uma lona plástica branca. Em outros, a proteção era com um material laminado.

O local contava com iluminação especial com luzes brancas e amarelas para simular a luz solar, tinha isolamento acústico e um sistema de exaustão para que o cheiro da maconha não chamasse atenção dos vizinhos.

Canos levavam água para a irrigar os vasos e ventiladores e aparelhos de ar-condicionado controlavam a temperatura em cada cômodo.

No imóvel a polícia também encontrou adubo, sementes, vasos, terra e lâmpadas. Uma perícia feita no local constatou que havia 21.300 quilos de tetrahidrocanabinol, uma substância química fabricada a partir da própria maconha e a principal responsável pelos efeitos da planta.

Em outros ambientes da casa, ramos da planta estavam pendurados em um varal para secar, primeiro passo para a produção da droga. O caso foi registrado no 50º DP (Itaim Paulista), onde será investigado.

fonte: http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2015/06/1648596-irmaos-sao-presos-com-40-pes-de-maconha-na-zona-leste-de-sp.shtml

------

não dá pra ver direito, mas o que vi foi um cultivo perpetual com um ciclo de no mínimo 2 meses, mais ou menos 40 plantas se revezando em quatro ou cinco ambientes, sendo berçário, 2 ambientes de vega, na qual as melhores plantas deviam ser selecionadas e talvez 2 ambientes de floração. não ultrapassando aí 200 ou 300 plantas!

muitas plantas pequenas, pois pra ficar as melhores é preciso descartar as que estão mau enraizadas, crescimento travado, doentes, etc.

quatro malas de erva por dia, quem me dera ter um centésimo dessa produtividade com a mesma quantidade de plantas!!

não to dizendo que não vendiam... mas e daí?

de uma vez por todas! agricultor não é criminoso!!! traficante também não!! o simples fato de uma pessoa vender maconha não deveria torná-la um criminoso, e sim um comerciante, lembrem-se são apenas 50 anos de proibição, por interesses sórdidos, contra milênios de uso, sem que houvesse o declínio da humanidade. a proibição é que é hedionda! parabéns para aqueles "juizes" de plantão por disseminar o ódio e a desinformação!

o julgamento do RE que poderá declarar o artigo 28 inconstitucional está marcado pra agosto, e já está rolando uma campanha para desacreditar o poder dessa planta suprema e reafirmar o poder dos criminosos de verdade, os de colarinho! esse dias mesmo vi uma notícia na folha (bosta), falando que maconha não serve para enjoos.... enjoado fico eu, se até o instituto nacional do câncer dos estados unidos recomenda!!

fui!

BRABO!

Muita mal intenção mesmo!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

São más intenções mesmo,um açoitamento que visa a repressão através da mentira,do medo.

Colocacoes e palavras pejorativas, um esforço que estes órgãos fazem para manter a maconha na marginalidade que chega a desanimar..neste momento nos fazem com duas,quinze ou trinta plantas nos colocam como farinha do mesmo saco,não sabemos a que ponto está o relógio mas a intolerância quanto a aceitação da realidade da maconha na sociedade tem seus dias contados.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

"Nesta mesma semana, outro caso de estufa de maconha foi mostrado no Brasil Urgente. Este novo caso, curiosamente, tem o imóvel em São Paulo no nome de um dos presos na outra operação."

Isso é consumo próprio?

Deixa esse papel de apontar o dedo e já culpar para os vermes, nós aqui estamos no mesmo time amigo!

Independente de ser ou não para o tráfico não da direito a ninguém julgar os caras aqui no G.R.

  • Like 4
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Quando vemos outros growers repudiando uma forma de ativismo dessas,e até mesmo apoiando a ação de prender esses caras que tinham centenas de plantas,conseguimos enxergar o preconceito e manipulação do sistema sobre nós,até mesmo "os nossos".

Se luto por um ideal,faço parte da resistência,mesmo com uma planta,ou com 100,tenho mais é que aplaudir essas pessoas que estão se arriscando e botando a cara,ao invés de apontar o dedo.Essas prisões que acontecem e que vem chamando a atenção do país como um grito de socorro,serão parte determinante da nossa vitória.

+União -falaçao.

  • Like 10
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

"Nesta mesma semana, outro caso de estufa de maconha foi mostrado no Brasil Urgente. Este novo caso, curiosamente, tem o imóvel em São Paulo no nome de um dos presos na outra operação."

Isso é consumo próprio?

Até pq meus primeiros baseados vieram da minha plantação... Nunca comprei...

Aff... Maconheiro reaça eh dose...

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Que conversa mole ... não existe traficante de maconha ... são todos farmacêuticos ... onde você compra o seu remédio? Na farmácia, claro ...

Temos que cuidar melhor da nossa comunidade ... usem o vocabulário correto ... por favor.

  • Like 3
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

"Nesta mesma semana, outro caso de estufa de maconha foi mostrado no Brasil Urgente. Este novo caso, curiosamente, tem o imóvel em São Paulo no nome de um dos presos na outra operação."

Isso é consumo próprio?

Isso são vidas arruinadas por causa do cultivo de uma planta que nunca matou ninguém, e cujos males que você associa com o papel do traficante só vêm da proibição.

Se era pra consumo ou venda não saberemos, mas qualquer grower com meio neurônio sabe relevar e não tirar conclusões a partir da matéria de jornal que só tá lá pra perpetuar essa perseguição imbecil.

Se era pra vender, que se espalhem os cultivadores por todo canto e descentralizem a fonte. Se pudesse escolher entre dar dinheiro pra traficante de facção criminosa e um cara normal que não machuca ninguém, a escolha é fácil..

E você falando parece que nunca deu dinheiro na mão de traficante, vamo deixar de ser hipócritas?

  • Like 5
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Só a experiência,o cai e levanta da vida que amadurece as pessoas.

Parece distante olhar assim,confuso tentar entender mas basta duas piscadas a mais de olhos para estar no lugar de um grower assim..muitos maconheiros tem que rever conceitos e parar de acreditar em redomas de vidro.

  • Like 2
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

A desinformação da mídia marrom tá chegando aqui é sério?

PRESTENÇÃO:

400 plantas, 21300 gramas de Tetrahidrocanabinol (Nem falaram THC)

Temos que pensar que não é todo mundo que tem o espaço e o dinheiro para arcar com todo o custo de um cultivo que supra sua necessidade. E pela reportagem da folha falam que são dois irmãos.

Sem meios de garantir que aquele que cultiva, consome a sua propria erva não é um criminoso não podemos julgar aquele que não tem prensado em sua casa

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Bem, vou registrar aqui a minha indignação e mais alguma coisa.

Prendeu, paciência. A Polícia fez seu trabalho porque alguém não manteve o SEGREDO. A casa acabou caindo. Acontece infelizmente e numa frequência assustadora. Tristeza para família dos jardineiros, para eles, para os amigos, enfim, só está contente o idiota que publicou mentiras (mais de 21 toneladas de maconha só podem ser transportados numa senhora carreta - só é possível fazer isto com 4 malas diárias em cerca 7 meses, isto se em cada mala couber 25 kg de green sem prensar, só que pela reportagem, se não me engano, estavam lá havia 4 meses), pois vendeu a matéria.

Talvez tenha faltado cuidado no descarte de plantas travadas, doentes, machos, ou folhas secas, de maneira que o serviço de limpeza pública possa ter, de alguma forma, identificado na coleta. Talvez tenha sido alguém que não manteve o SEGREDO e levou a esta apreensão. Talvez alguém tenha dado mole (a gente que é maconheiro às vezes é um pouco desligado). Talvez tenha sido o delicioso aroma da floração (devia estar aquele perfume magnífico na casa) que acabou despertando a curiosidade de alguém. Jamais saberemos, pois a modinha de "denúncia anônima" é a mais manjada conversinha para boi dormir.

Se a maconha seria vendida, isto são outros quinhentos. Vai que rola uma praga, ou mesmo um poste derrubado que deixe a casa 3 ou 4 dias sem luz, ou um incêndio, ou mesmo uma falta ou um severo racionamento de água (SP está complicado com relação à água)? Vai vender o quê? Nada, ora bolas!

Especular com a liberdade alheia é irresponsabilidade, coisa de mal caráter. Esta especulação, por parte da imprensa irresponsável, é uma faceta odiosa da política fracassada de guerra contra as drogas. Aliás, se nós olharmos para trás, veremos que a imprensa ajudou em muito a demonizar a maconha. Elevou ao status de "verdade" toda mentirada que até hoje vem sendo publicada em veículos de informação outrora sérios, mas que pecam pela absoluta falta de vontade de pesquisar para averiguar a qualidade e a veracidade das informações.

Quanto a dizer se era para consumo próprio ou não, imagino que isto seja papel do juiz, já que é ele quem condena ou absolve. Vai que eles queriam levar um mega cultivo para consumo próprio, por uns 6 meses ou 1 ano, para ficar sem o estresse de manter um jardim por um longo período?

Se eram do Growroom ou não, acho que não merecem qualquer juízo de valor pejorativo postado aqui. Se merecem alguma coisa daqui, esta coisa é a solidariedade. Aqui é lugar de maconheiro, de grower. E se fosse com um de nós? A gente ia gostar de ser taxado aqui de traficante, mesmo sendo jardineiro? Aqui ninguém é inocente para pensar que a imprensa vai aliviar. Ela vai enaltecer o trabalho da polícia e condenar o cultivador antes de qualquer julgamento.

A única coisa certa, nesta tremenda infelicidade, é que os presos terão contato com criminosos extremamente perigosos na cadeia. Tomara que eles não saiam de lá contaminados por toda maldade que existe dentro dos muros do cárcere.

Desejo muita sorte para os cultivadores que foram presos, pois eles vão precisar muito.

Jah bless e PAZ!

  • Like 10
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 2 weeks later...
  • Usuário Growroom

Uma bela de uma MERDA!!

quem sabe quando as autoridades perceberem que não estamos fazendo mal a ninguem, muito pelo contrario, nos casos do pessoal que faz as extrações de óleo para os doentes, estamos é fazendo O BEM, salvando vidas e não destruindo como o trafco de drogas faz todo santo dia!

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Po na minha cidade pegaram um jovem de 17 anos com 20 mudinhas de uns 15cm... numa terra não aerada, provavelmente nem iam crescer, estavam as 20 mudas todas juntas em um pneu com terra... o garoto afirmou não saber o que era, mas vai ter de responder por um crime, infelizmente ... na noticia ainda diz q as plantas iriam ser encaminhadas para analise de THC ahsieuahsuieh, mas esse é o braziiiu onde helicóptero com 400kilo de coca não da nada. e a midia sensacionalista sempre se aproveita para fazer uma média né?

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Faça login para comentar

Você vai ser capaz de deixar um comentário após fazer o login



Entrar Agora
×
×
  • Criar Novo...