Ir para conteúdo

Vaporizadores baratos, qual vale a pena comprar?


TCHELO

Recommended Posts

  • Usuário Growroom

 

O gosto do prensado é nojento pelo vape... sem condição.... que merda que essa proibição patetica obriga o usuário a consumir coisas muito piores que a erva, eles deveriam é inverter tudo e fiscalizar a qualidade da droga produzida, mas como os caras ganham grana vendendo esterco.... bom... deixa pra lá... mas o vape deixa isso evidente. Pra mim, prensado é zoado no vape.... dá nojo, melhor filtrar com a combustão do co2  e matar as bactérias.... uhauhauhahu. Já o bud premium no vap é show.... se aromatizar, então, é onda.... 

  • Like 2
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom
7 horas atrás, Notorius Bud disse:

 Ajudou bastante valeu demais,

e se não for incomodo,  na opinião de vocês qual seria o melhor custo x beneficio na casa dos R$800,00 até R$ 1200,00

(lembrando que achei bem interessante o fato que você falou que tem de colocar muita erva para ter um vapor legal)

quero um que tenha esse tipo de custo x beneficio e outros legais como por exemplo o ar não sair quente,

o lugar onde coloca ser de mármore, poder ajustar grau a grau é vantagem ou bobagem?

enfim vocês sabem mais que eu, 

desculpa a quantidade de perguntas mas já li bastante e vi vários reviews mas nada melhor do que

 quem é neutro e não faz marketing pra empresa,

obrigado  mais uma vez pra todos.

Eu acho que nessa faixa as melhores opções nas lojas do Brasil são: Solo, Air, Ascent,Pax, Elite e Prima. Não conheço o Prima( tem que esperar o relato do Zé) e o Elite tem o vapor quente, então acho que fica os outros quatro. Mas ai vai depender muito de opções pessoais, assim como o uso que você pretende ter. Se vai usar na rua os Arizer perdem uns pontinhos por causa do tubo, se você tem um consumo intenso ("cabeção") acho que o Ascent fica um pouco para trás.

Já o pax fica nessa questão do gosto, eu não sou um especialista em sabor, mas os relatos que li tendem a colocar o pax abaixo(em relação aos outros 3) nessa categoria. E dizem ser por causa da câmara metálica.

Grau a grau é massa, a temperatura é mais um refinamento que varia muito de pessoa a pessoa, eu gosto de usar em temperaturas altas (200C +), e agora com o Elite vou até o 220C, mas noto uma grande diferença entre usar a 215C ou 220C, a temperatura máxima bate tudo e mais um pouco, mas também dá mais tosse! E acho que o mesmo vale na outra ponta, usar em uma temperatura baixa, mas ajustar ao ponto que haja a produção de vapor que lhe agrade.

Pô, mármore é chique, hein! :)

7 horas atrás, Didjo gallo disse:

Eu tenho o vapir No2 e ele nao deixa na mao, mas nao fume prensado pois parece que vai ''empreguinando'' o gosto e nois abraço

 

6 horas atrás, Klisk disse:

 

O gosto do prensado é nojento pelo vape... sem condição.... que merda que essa proibição patetica obriga o usuário a consumir coisas muito piores que a erva, eles deveriam é inverter tudo e fiscalizar a qualidade da droga produzida, mas como os caras ganham grana vendendo esterco.... bom... deixa pra lá... mas o vape deixa isso evidente. Pra mim, prensado é zoado no vape.... dá nojo, melhor filtrar com a combustão do co2  e matar as bactérias.... uhauhauhahu. Já o bud premium no vap é show.... se aromatizar, então, é onda.... 

Eu sempre acho bom ponderar que existem prensados e prensados, até duas semanas atrás o que tava chegando aqui era bem preto e estava fedido, deixando os primeiros minutos da vaporização com um gosto pior do que o comum. Mas agora voltou à média, o béck ta razoável e é uma delícia vaporizar.

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom
8 horas atrás, Notorius Bud disse:

 Ajudou bastante valeu demais,

 

E ai??? Vc deve ter notado na sua pesquisa que religião e vaporizador naum se discuti, cada um tem um gosto ,vc esta na mesma situação minha, tinha de comprar um vape nesta faixa de preço,....assim fica de fora os melhores como crafty, mighty, pax2 ai sobra arizer solo, arizer air, ascent, prima com o preço da vaporzinho pq no vapirbrasil ele é mais caro e tem este novo GPRO elite ele tem um bom preço mas é novo eu fico meio grilado tem de testar mais , aqui no forum muitos compraram inclusive o Santo homem ele vai fazer um review e postar aqui . Bom...fiquei seis meses pra escolher quando resolvia por um no outro dia mudava pra outro lia tudo sobre vape e isto começou a me atrapalhar fiquei confuso...Resolvi então selecionar os sites parei de ver review em sites que vendem vape comecei a procurar por opiniões imparciais...no meu caso comecei a seguir a opinião do cara da vapesterdam me cadastrei em 2 forum e fiz post pedindo opinão Ascent X Air, Ascent X Prima etc....em todos que o Prima entrava ele ganhava...tenho um Vapir NO2 V2 e gosto dele demais a unica coisa é que naum posso leva-lo pra qualquer lugar ele é um portátil domestico...vejo que a maioria quer um portátil discreto com muito vapor, denso e volumoso mas pra mim quando saio com o vape preciso ser o mais discreto possível pq geralmente eu vou estar numa festa onde tem caretas, num banheiro do shopping antes da sessão de cinema se usar um que solta muito vapor vai chamar atenção . Todos meus vapes têm controle de temperatura é interessante vc fica fazendo experiencias mudando a temp. mas no meu caso o portátil eu naum fico mudando, usar vape em publico é como uma transa rapidinha num lugar onde pode chegar alguém a qualquer hora....hihihi...da um tesão danado..com esse relato espero te mostrar que vape portátil é uma questão de como e onde vai usar....seja bem vindo ao clube a unica certeza que posso te falar é...pense em todos os detalhes antes de comprar pq comprar um vape para depois vc arrepender é ruim demais da até depressão...rsrsrsrs....te

  • Like 3
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom
Em 09/04/2016 at 13:05, Klisk disse:

OI, pessoal.

Poucos posts aqui no forum, mas muita leitura. Hoje chegou uma vaporizador que comprei e vim aqui dividir minha experiência com vcs... E acho que posso ajudar.

Comprei um G-Pro Snoop Dogg - FALSO - 

Comprei num site bem picareta...

NÃO CONFIEM NO SITE = www.elitesmokebr.com.br

Me venderam um produto falso.... 

http://www.elitesmokebr.com/vaporizador-de-ervas-snoop-dogg-g-pro-herbal-grenco-science

E após eu reclamar, me oferecaram a devolução da grana, mas eu teria que arcar com o frete.

Acabei ficando com o produto... Deixa quieto. Prefiro falar mal dos caras pra evitar que outros caiam no golpe.

Bom, mas vamos falar sobre minha experiência.

Para um produto falso, o vaporizador tem ótima qualidade.

Tem regulagem de temperatura, VAPORIZA DE VERDADE, e a bateira, pelo menos por enquanto, tem durado uns 9 ciclos. 

Claro, esse tipo de aparelho falso é um risco. Ninguém quer uma resistencia ou uma bateria explodindo na sua cara. 

Mas o aparelho veio com uma piteira plástica (que piora muito o gosto: aqui vale um adendo. Eu fervi todas essas piteiras e deixei de molho na água com umas gotinhas de cloro para tirar o máximo que pude do sabor de borracha). 

Os picaretas da loja ainda me dera um queimador de ervas xing ling.

Quanto a experiencia VAPE.

Na temperatura mais alta, o vape esquenta o bico, e achei o Vapor bem quente... a ponto de sentir o calor na lingua. 

Com tres vaporizadas seguidas no mais alto, a erva começou a queimar. Foi uma porrada (hahahaha) aquele fumação misturado com o forte vapor... uma lombra forte. 

Mas eu recomendo usar na temperatura intermediária, sem fumaça, puro vapor. 

Eu gosto, quando quero onda forte, começar na mais forte, duas vapeadas, fica um vapor bem forte.... porque a erva está bem com bom potencial....  E depois baixo... Mas pra queimar até o fim, tem que voltar pra alta....

Para ondas suaves e economizar erva, começo na temperatura baixa... ee fico nela.... no máximo passando pra intermediária....

São tres niveis de temp. 

Quantos aos sabores:

Bom, estou começando nesse veiculo, apesar dos 39 anos de idade, e 25 de fumaça, é dificil se acostumar....

O gosto da erva é forte, estilo chá, e a onda diferente.... realmente a erva vaporizadar, no meu caso, bateu mal de primeira... principalmente em temperaturas mais baixas:

Percebi que nas temperaturas baixas, inicio de vaporização,  os sabores e aromas e aromas delicados ficam mais perceptivies. Esse aromas podem ser bons ou ruins.... E ain entra um ponto:

Fumar o prensão do vape, em temperatura baixa, é meio foda! Não pelo vapor, mas pelas merdas que misturam nesses prensados.... Eu pude sentir a amonia, grama, tabaco, xixi, agrotoxico,  e tudo que não é erva que os cara misturam na nossa erva, ficando meio repugnante o sabor.... Quase impraticável.... Da mesma forma que o vape te ajuda a absorver mais do bom da erva, ele também te obriga a absorver mais da parte ruim que misturam.... Eu senti isso.

Então, pra fumar o prensadão, no meu caso, só mesmo na temperatura alta, e se queimar demais baixa... isso parece que dá uma limpada no "chá" e você sente menos as porcarias.

Com buds premium a brincadeira é diferente.... O sabor é pura erva, e você é capaz de sentir a terra, e forma onde a erva foi plantada...

Uma coisa que tenho feito, e ai não sei se estraga o vaporizador, mas é muito bom.... é burrifar elementos diferentes no bud, antes de colocar no vape.

Por exemplo:

Outro dia peguei um burrifado e coloquei uma água mineral com gostas de limão, para aumentar o vapor e render o bagulho....

Ontem, burrifei um wisky no bud e ficou demais.... Show! Batizei de vapor cowboy.

Já coloquei também um suco de uva, mas melecou a camara e tive que limpar com alcool....

Burrifar não é enxarcar o bagulho, apenas deixar as gotinhas pra dar uma onda.... também peguei umas raspas de casca de laranja é muito bom... 

Isso também alivia o sabor do prensadão. 

Quanto a onda:

Percebo realmente a onda diferente.... parece que ela potencializa os efeitos analgésicos do bagulho...... principalmente nas temperaturas mais baixas.... nas altas eu tusso muito... não se é por causa da combustão ocasional ou o vapor quente.... mas dá umas tossidas forte... e a lombra é potente....

Ontem fiz uma peruana..... Separei um bucal apenas para peruana.... só faço com o vapor temperatura média, com o bud levemente borrifado com água, e bicho... Excelente para aliviar sinusite.... e dá uma onda bem mais rápida..... Ótimo....

Deve ser preconceito meu, pelo tempo na combustão, mas o  vape, muitas vezes, fico com a impressão de estar fazendo um usu mais medicinal... desde a onda até os resultados. A combustão dá uma onda menos gradual, mais direta.... Não sei.... mas resolvo isso nas temperaturas altas como disse....

 

Fora isso, todas as melhorias que o vapor traz: dentes mais claros, menos tosse ou irritação na garganta, menos marofa em casa, lmenos marofa na boca... apesar de ter aquela marofinha.... mas quando boto o borrifador limão em prática zera tudo.... kkkk.

 

É isso galera. Desculpa escrever demais, mas tentei juntas minhas experiência completa para agregar...

 

Vlw!

 

Cara, também tive um pouco de problema ao me adaptar ao uso do VAP quanto à lombra. Sempre achava a lombra muito rasa, fraquinha e não duradoura. Entretanto, depois que utilizei as dicas de como tragar, postadas aqui no fórum, melhorou 100%. Lombra 100 vezes mais forte do que a do banza. É só questão de tempo mesmo...

  • Like 3
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom
Em 07/04/2016 at 15:32, lars disse:

Você usa tela extra no vidro? Pq me recomendaram o inverso, e de fato quando está relativamente bem solto e pequeno acabam passando pelos furos do air. 

Então,

eu corto a telinha e coloco na parte que tu enche de chá, do tubo, nao passa pelos buraquinhos por mais desbelotado que esteja..

Mais tarde posso enviar uma foto do tubo com a telinha..

Peace!

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom
Em 07/04/2016 at 17:47, wet-coma-dreams disse:

Falou tudo, concordo com tudo que você disse sobre saúde e eficiência dos vaporizadores, e que cada vaporizador tem um efeito diferente - tem muita gente comprando uns genéricos aí que são exatamente o que você falou, cachimbos eletrônicos glorificados.

Deixo um link aqui para complementar a conversa (em inglês):

http://www.canorml.org/healthfacts/Second-Study-Shows-Vaporizers-Drastically-Reduce-Toxins-in-Marijuana-Smoke

Num teste em ambiente controlado utilizando o Volcano, 95% do vapor tratava-se de THC, com os demais 5% compostos  de 3 substância: CBN, outro óleo da planta e apenas uma substância nociva suspeita (Hidrocarbonetos aromáticos policíclicos). Já na fumaça da combustão de quando se fuma, o teste mostrou que 88% das substâncias eram não-canabinóides, com o total de 111 substâncias diferentes, muitas delas nocivas.

Eita poura!!!

Esse tal de Hidrocarbonetos aromáticos policíclicos me preocuparam!!

Acreditava estar libre de 'todos os problemas' ao vaporizar (JÁ TO LIGADO QUE A CANAÃ PROVOCA O DESGASTE DE UMA 'PARADINHA' QUE 'FICA ACOPLADA NOS NEURÔNIOS') , mesmo não usando um Volcano e sim um Air, acredito que isto também valha pro mesmo,
um rápida busca no wiki me diz que esses tal de Hidrocarbonetos aromáticos policíclicos são resultados da combustão incompleta e sobre os riscos:
 

Citar

 

Para os seres humanos podem ser acrescentadas outras vias de exposição tais como: hábito de fumar, inalação (passiva) de fumaça de cigarros e a exposição ocupacional em atividades ou processos que envolvam a produção ou manuseio de matérias-primas que sejam compostos por essa substância.[8]

O benzo(a)antraceno é um composto mutagênico para uma ampla variedade de organismos, que incluem invertebrados, peixes, anfíbios, aves, mamíferos e o ser humano podendo causar modificações da proliferação de tecidos, como da medula óssea, dos órgãos linfáticos, das gônadas e do epitélio intestinal. Esse composto também cancerígeno, principalmente quando o organismo é exposto a ele pela via respiratória e/ou dérmica, podendo provocar tumoração em animais e mutação em bactérias.[9]

É válido ressaltar que o caráter lipofílico do benzo(a)antraceno permite que ele entre com bastante facilidade nas membranas celulares, permitindo que se acumule em diversos tecidos. Ele é metabolizado em compostos mais hidrossolúveis o que facilita a sua eliminação através da excreção pelo sistema digestório e pelos rins.

Parte da alta toxicidade desse composto é justificada pela sua capacidade de bioacumulação em diversas de espécies de organismos. Além da bioconcentração direta da água, pode haver absorção a partir dos alimentos.

 

FONTE: https://pt.wikipedia.org/wiki/Hidrocarbonetos_arom%C3%A1ticos_polic%C3%ADclicos



Estamos fodidos?? Ça porra é cancerígena também, além de ter a capacidade de se armazenar facilmente..

Peace!

 

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Cara, tudo pode fazer mal. A diferença entre remédio e veneno é a dose, e tudo que podemos fazer é reduzir os danos. Estamos diariamente em contato com substâncias cancerígenas - algumas naturais. Não podemos ter a ilusão que vaporização é 100% saudável a todo momento e pra todo mundo. A questão é que é MUITO mais segura do que combustão.

  • Like 3
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

E ai turma?? Uma coisas que acho ruim em experiencias com vaporizadores é que todas são feitas com o Volcano naum tem experiencia com outros vapes...na vaporização ainda naum temos dados sobre o uso a longo prazo...por enquanto é acreditar nas experiencia uma coisa é certa pelo menos diminui os risco....te

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom
12 horas atrás, Notorius Bud disse:

 Ajudou bastante valeu demais,

e se não for incomodo,  na opinião de vocês qual seria o melhor custo x beneficio na casa dos R$800,00 até R$ 1200,00

(lembrando que achei bem interessante o fato que você falou que tem de colocar muita erva para ter um vapor legal)

quero um que tenha esse tipo de custo x beneficio e outros legais como por exemplo o ar não sair quente,

o lugar onde coloca ser de mármore, poder ajustar grau a grau é vantagem ou bobagem?

enfim vocês sabem mais que eu, 

desculpa a quantidade de perguntas mas já li bastante e vi vários reviews mas nada melhor do que

 quem é neutro e não faz marketing pra empresa,

obrigado  mais uma vez pra todos.

Mano, tu tem que saber se prefere sair por aí vaporizando/transportar seu aparelho para diversos lugares ou deixar ele em casa para fazer 'uso residencial', 

nesta faixa de preço eu comprei o meu Air no final do ano passado e o valor completo ficou em torno de 1100 e pouco, eu gosto de levar ele para alguns lugares e vaporizar,

para fazer isso tem que ter MUITO cuidado, as peças de vidro são super frágeis e eu não ando sem a capa de silicone do Air, posso contar nos dedos as vezes que ele caiu no chão, umas 2 ou 3.

Eu compraria atualmente um vaporizador desktop, tem um da Arizer que é PUNK, de balão e os crl, o bom é que não precisa ficar carregando (ISSO É UM SACO), eu tenho duas baterias removíveis e tenho que usar uma e carregar a outra, é cansativo se tu for ficar em casa o dia inteiro vaporizando..

O ideal é tu ter um portátil e um desktop, na minha opinião, veja quais são suas preferências e compre o aparelho desejado, sugiro a loja integrada vaptvupt ou a vaporzinho, ambas bem qualificadas por aqui!!

 

42 minutos atrás, wet-coma-dreams disse:

Cara, tudo pode fazer mal. A diferença entre remédio e veneno é a dose, e tudo que podemos fazer é reduzir os danos. Estamos diariamente em contato com substâncias cancerígenas - algumas naturais. Não podemos ter a ilusão que vaporização é 100% saudável a todo momento e pra todo mundo. A questão é que é MUITO mais segura do que combustão.

 

É foda, se divulga muito que não há problema algum em vaporizar, SE CRIA UM MERCADO SOBRE ESSA JUSTIFICATIVA mas nada declarado sobre essa substância cancerígena aí..
 

Essa dose poderia ser maléfica se um indivíduo vaporiza em torno de umas 5 ou 8 sessões todo dia??
 

e outra, essa substância é derivada da vaporização da canaã ou da vaporização em si ??
 

Só me preocupo com isso..

Peace e obrigado pelo esclarecimento @wet-coma-dreams.

  • Like 2
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom
3 horas atrás, zeluiz disse:

E ai??? Vc deve ter notado na sua pesquisa que religião e vaporizador naum se discuti, cada um tem um gosto ,vc esta na mesma situação minha, tinha de comprar um vape nesta faixa de preço,....assim fica de fora os melhores como crafty, mighty, pax2 ai sobra arizer solo, arizer air, ascent, prima com o preço da vaporzinho pq no vapirbrasil ele é mais caro e tem este novo GPRO elite ele tem um bom preço mas é novo eu fico meio grilado tem de testar mais , aqui no forum muitos compraram inclusive o Santo homem ele vai fazer um review e postar aqui . Bom...fiquei seis meses pra escolher quando resolvia por um no outro dia mudava pra outro lia tudo sobre vape e isto começou a me atrapalhar fiquei confuso...Resolvi então selecionar os sites parei de ver review em sites que vendem vape comecei a procurar por opiniões imparciais...no meu caso comecei a seguir a opinião do cara da vapesterdam me cadastrei em 2 forum e fiz post pedindo opinão Ascent X Air, Ascent X Prima etc....em todos que o Prima entrava ele ganhava...tenho um Vapir NO2 V2 e gosto dele demais a unica coisa é que naum posso leva-lo pra qualquer lugar ele é um portátil domestico...vejo que a maioria quer um portátil discreto com muito vapor, denso e volumoso mas pra mim quando saio com o vape preciso ser o mais discreto possível pq geralmente eu vou estar numa festa onde tem caretas, num banheiro do shopping antes da sessão de cinema se usar um que solta muito vapor vai chamar atenção . Todos meus vapes têm controle de temperatura é interessante vc fica fazendo experiencias mudando a temp. mas no meu caso o portátil eu naum fico mudando, usar vape em publico é como uma transa rapidinha num lugar onde pode chegar alguém a qualquer hora....hihihi...da um tesão danado..com esse relato espero te mostrar que vape portátil é uma questão de como e onde vai usar....seja bem vindo ao clube a unica certeza que posso te falar é...pense em todos os detalhes antes de comprar pq comprar um vape para depois vc arrepender é ruim demais da até depressão...rsrsrsrs....te

 Valeu mais uma vez, e questão desses 

como crafty, mighty, pax2 você acha que compensa pegar o mais barato desses 3 sei que ta na faixa de 1300,00 ou seja uns 400 reais a mais que imaginava gastar,

mas será que compensa mesmo, pois quero algo que preste to mudando de ideia do arizer solo pro pax2 o que acham, o crafty ta 1600,00 ta foda e sem falar que a bateria dele é 45 minutos, mas diz q o vapor é mais puro, pelo menos um site que vendi os 2 e fez a comparação,

valeu abraço!

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom
2 horas atrás, Notorius Bud disse:

 Valeu mais uma vez, e questão desses 

como crafty, mighty, pax2 você acha que compensa pegar o mais barato desses 3 sei que ta na faixa de 1300,00 ou seja uns 400 reais a mais que imaginava gastar,

mas será que compensa mesmo, pois quero algo que preste to mudando de ideia do arizer solo pro pax2 o que acham, o crafty ta 1600,00 ta foda e sem falar que a bateria dele é 45 minutos, mas diz q o vapor é mais puro, pelo menos um site que vendi os 2 e fez a comparação,

valeu abraço!

Conheõ o pax2 e crafty ja experimentei, nem gosto de postar isto aqui  pq sei que vai ter gente chiando mas o meu NO2 V2 naum fica devendo nada para eles, o meu amigo que tem um pax 2 acabou de comprar um NO2 V2 para usar dentro de casa..o mighty é muito grande para um portátil..eu ficaria com o Pax2 muito mais discreto...te

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom
4 hours ago, zeluiz said:

E ai turma?? Uma coisas que acho ruim em experiencias com vaporizadores é que todas são feitas com o Volcano naum tem experiencia com outros vapes...na vaporização ainda naum temos dados sobre o uso a longo prazo...por enquanto é acreditar nas experiencia uma coisa é certa pelo menos diminui os risco....te

Tem sim! Tem que procurar um pouco e saber pelo menos inglês bem, mas tem vários testes e experiências com outros vaporizadores no mercado. Não faz muito tempo eu colei aqui o link dum estudo fodaço que fizeram na Áustria ou na Alemanha (agora esqueci) com o Volcano, o Solo, o DaVinci e uns outros.

No mais, o resumo da questão é: não existe substância 100% benéfica. Até a água, se usada de forma errada, pode matar. A única coisa que existe é redução de danos. Assim, o vaporizador ajuda eliminando mais de 90% das substâncias tóxicas presentes na fumaça (que são formadas na combustão). Só que os 10% restantes ainda estão lá, e aí não tem o que fazer. Claro que reduzindo 9 vezes a ingestão de substância cancerígenas, você derruba as chances de desenvolver um câncer em 800%. É bastante significativo - especialmente levando em conta as possíveis (algumas já comprovadas) propriedades anti-tumorais de determinados canabinoides.

  • Like 2
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom
1 hour ago, fakefake said:

Os balões do Volcano são muito práticos. Chego a encher 5 balões em casa e sair com eles no banco de trás do carro. 

Não faça isso! Boa parte dos canabinoides presentes no vapor se perdem ou pela ação da luz, ou do ar, ou mesmo se solidificando nas paredes dos balões. Vapor que fique 15 minutos dentro de um balão do Volcano pode perder até 45% dos seus canabinoides desse jeito!

  • Like 4
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom
4 horas atrás, fakefake disse:

Depois que comprei um Volcano a freqência de funcionamento de meu portátil reduziu em umas 30X!

Agora só uso o portátil quando é pra ser em lugar mocado.... restaurante, casa de parentes...

Os balões do Volcano são muito práticos. Chego a encher 5 balões em casa e sair com eles no banco de trás do carro. 

Uma grande vantagem é que eu controlo o momento de cada baforada. No portátil acontece de dar uma ou duas bolas e soltar ele... aí só percebe depois que ele já torrou a sessão toda parado

Fora quando ozamigos chapadão esquece da vida e deixa a sessão rolando sozinha..

KKKk triste!!

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Bom dia senhores e senhoritas, usuários recreativos e degustadores de ervas.

@Klisk e @Curandeiro Dido senhores usei 1 folha de hortelã, retira do pé e partida em pedacinhos, misturei com a erva e preenchi o forno do Elite, sabor ótimo, de delicia, isso no domingo.
Ontem fui usar o aparelho e percebi um cheiro estranho, forte, quando olhei dentro do forno, tudo preto, manchado, o hortelã grudou nas paredes do forno, pra limpar cotonetes , álcool e papel toalha.
Vou tentar secar um pouco a folha de hortelã antes de misturar com a erva para degustar para evitar esse inconveniente.

 

  • Like 2
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Não acompanhei este tópico desde o ínicio, mas não vi ninguém falando do MFLB (Magic Flight Launch Box).

Admito que ele não é pra todo mundo, mas uso ele há 3 anos sem nenhuma reclamação, acho ele perfeito pra mim. Não sei como anda o preço por causa do dólar, mas lá fora é um dos mais econômicos e de melhor custo-benefício.

  • Like 2
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom
1 hora atrás, wet-coma-dreams disse:

Não acompanhei este tópico desde o ínicio, mas não vi ninguém falando do MFLB (Magic Flight Launch Box).

Admito que ele não é pra todo mundo, mas uso ele há 3 anos sem nenhuma reclamação, acho ele perfeito pra mim. Não sei como anda o preço por causa do dólar, mas lá fora é um dos mais econômicos e de melhor custo-benefício.

Dá o papo sobre o aparelho mano,

acho que ninguém o fez ainda pois ninguém o tem.

 

O MFLB foi um dos primeiros nas minahs pesquisas, junto com a Grenco e o Vapir NO2,

não curti o MFLB pois era tudo caro, os acessórios, 600 conto no aparelho,

400 num carregador, mais pilhas, não tem controle de temperatura e dizem que o chá não vaporizar uniformemente, 

tem que ficar dando batidas... Mesmo com estes problemas aí, isso não é nada comparado a problemas realmente importantes,

o MFLB tenha muitos fãs hoje em dia, mas faz um review aeê!!

tamojunto..

1 hora atrás, FibrasTHC disse:

Bom dia senhores e senhoritas, usuários recreativos e degustadores de ervas.

@Klisk e @Curandeiro Dido senhores usei 1 folha de hortelã, retira do pé e partida em pedacinhos, misturei com a erva e preenchi o forno do Elite, sabor ótimo, de delicia, isso no domingo.
Ontem fui usar o aparelho e percebi um cheiro estranho, forte, quando olhei dentro do forno, tudo preto, manchado, o hortelã grudou nas paredes do forno, pra limpar cotonetes , álcool e papel toalha.
Vou tentar secar um pouco a folha de hortelã antes de misturar com a erva para degustar para evitar esse inconveniente.

 

Salve mano,

sempre acontecia isso comigo quando colocava hax no bang,

a solução que encontrei foi vaporizar com o forno pra cima,

assim o hax não entra em contato com o forno e assim não gruda..

A respeito de misturar ervas, o ABV colido vai estar 'poluído', pois foi usado com outras ervas e seus princípios ativos,

teria que jogar esse ABV fora ou dá pra fazer hax com essa mistura doida aê??

Pax!

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom

Sobre o Magic Flight Launch Box:

Em 8/25/2015 at 13:55, wet-coma-dreams disse:

Como só tenho o Magic Flight Launch Box, fica aí outra recomendação. É bem simples, relativamente barato, dura anos se bem conservado e tem garantia vitalícia. Além de economizar muita erva. Ah, e é um dos mais discretos, se tu tiver a manha dá pra vaporizar sem nem exalar vapor visível e quase nenhum cheiro.

Como desvantagem: é um pouquinho mais difícil de aprender a usar (tem gente que nunca aprende e passa a odiar o negocio), é péssimo pra usar com amigos (não cabe muita erva e, pra quem nunca usou, tem que dar um mini-curso pra explicar), usam pilhas que vêm junto mas que não duram lá muito (com o adaptador de tomada é MIL vezes melhor, mas requer mais uma graninha), e acho que é isso.

Perceba que na época ele era uma opção barata, só que hoje em dia por causa do dólar e pela maior oferta de vaporizadores da China se tornou meio caro, principalmente se você incluir o Adaptador de Tomada para transformá-lo em Vaporizador de mesa, aí já não sei se compensa. Pra mim o que me conquistou nele foi o fato de ser simples - sem peças eletrônicas - e por isso dura muito mais se tratado com carinho. A garantia vitalícia significa que sempre que estragar você paga só o frete para te enviarem um novo, e eles honram mesmo...

 

Tem mais relatos nesse tópico:

 

  • Like 2
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom
7 minutos atrás, Theus disse:

Vocês costumam comer o ABV ? Eu tava vendo no Reddit, os caras botam o ABV num pão com manteiga de amendoim e jogam pra dentro.

Eu encho uma colher de sopa e deço guela abaixo com um copo de iogurte ou leite. Sempre de estômago semi-vazio.

Demora um pouco pra se acostumar com a textura de areia, mas depois se torna bem prático, hehe.

  • Like 2
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Usuário Growroom
1 minuto atrás, SantoSkywalker disse:

Eae? Cabumm? Fununcia bem?

 

Se eu to de estômago vazio funciona 100% das vezes. Uma colher de sopa leva 1 a 2 horas pra bater. E me deixa away por horas...

Ah, meu ABV é sempre marrom bem escuro uniforme, sem queimado (se queimar joga fora). 

  • Like 3
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Faça login para comentar

Você vai ser capaz de deixar um comentário após fazer o login



Entrar Agora

×
×
  • Criar Novo...